Domingo, Abril 14, 2024
21.6 C
Lisboa
More

    Registos superam as expectativas

    Delegação da Comunicação Social durante reunião com o vice-ministro Adão de Almeida

    O vice-ministro da Administração do Território para os Assuntos Institucionais e Eleitorais, Adão de Almeida, revelou ontem em Luanda que o número de novos registos superou todas as previsões iniciais.
    “A nossa previsão era de 360 mil novos registos, mas já estamos em 450 mil”, afirmou Adão de Almeida durante um encontro com jornalistas de vários órgãos de comunicação social, que ontem visitaram as instalações do Gabinete de Processamento de Dados, adstrito ao Ministério da Administração do Território. De acordo com o vice-ministro, os dados provisórios indicam que 4,6 milhões de eleitores procederam à actualização dos dados dos seus cartões de eleitores e que a grande preocupação do momento continua a ser o elevado número de pedidos de segunda via dos cartões. “Estamos com um nível entre 30 e 35 por cento de cartões de eleitores extraviados, o que é muito elevado e não estava nas nossas previsões”, disse.
    Quanto à distribuição por províncias, Adão de Almeida referiu que 12 já atingiram mais de 60 por cento do número de eleitores registados na base de dados de 2008 e outras chegaram a 50 por cento. Apenas duas, entre as quais Luanda, não ultrapassaram os 40 por cento. O vice-ministro disse esperar que no período de 5 de Janeiro a 15 Abril, o número de actualizações e novos registos possa aumentar. “São números bastante positivos, e espelham claramente a tendência crescente do processo”, sublinhou, anunciando a introdução de mais 120 brigadas que vão juntar-se às 406 já existentes, além da aplicação do sistema móvel de registo e actualizações.
    Adão de Almeida lembrou que o processo de actualização está a revelar uma alteração considerável do universo eleitoral de algumas províncias, que vai ter reflexos na projecção de todo o acto eleitoral.
    Tem havido uma mobilidade considerável de cidadãos de uma província para outra, e os casos mais relevantes são os da Lunda-Norte e da Lunda-Sul, onde os dados revelam a existência de menos eleitores comparado com as eleições de 2008. Este fenómeno, segundo avançou, pode ser explicado pela crise financeira internacional, que obrigou algumas empresas de exploração diamantífera a prescindirem de trabalhadores.
    Outra causa pode ser o facto de alguns cidadãos estarem a regressar às suas províncias de origem, por o garimpo ilegal ter sido tratado de um modo mais vigoroso, o que o fez diminuir substancialmente, levando muitos jovens que se tinham deslocado para a região a regressar às suas províncias.
    O Gabinete de Processamento de Dados é a solução tecnológica de registo e suporte ao registo eleitoral. Possui múltiplos mecanismos que garantem, nas diversas etapas ao longo de todo o processo, a integridade e autenticidade da informação, sendo o seu expoente máximo o sistema de processamento biométrico. Este sistema, que é dos mais avançados do mundo, garante a unicidade e reduz a probabilidade de duplicação de eleitores.

    César André

    Fonte: Jornal de Angola

    Fotografia: Santos Pedro

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Irão lança ataque com mais de 100 drones contra Israel em retaliação

    O Irã lançou um ataque com drones contra Israel em um ato de retaliação, neste sábado (13). “Compreendemos essas...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema