Sábado, Fevereiro 24, 2024
12.8 C
Lisboa
More

    Zaire: CASA-CE lança consulta pública para programa de governo

    A CASA-CE procedeu este sábado, em Mbanza Kongo, província do Zaire, ao lançamento da consulta pública destinada à recolha de contribuições para o programa de governo desta coligação para o período 2022/2027.

    Os principais eixos do programa de governo da CASA-CE para 2022/2027, apresentados pelo deputado, Sikonda Lulendo Alexandre, que orientou o acto, assentam numa profunda reforma do Estado nas vertentes política, económica e social.

    Para o efeito, o procedimento encontrado foi a distribuição de formulário para aos cidadãos contendo um questionário sobre os principais eixos do futuro plano de governo, para o devido preenchimento, cujo produto final deverá ser encaminhado às estruturas centrais da CASA-CE, até 10 de Maio do corrente ano.

    De acordo com o político, a sua coligação de partidos entendeu, para este ano eleitoral, ouvir os cidadãos, que vivem o dia a dia dos seus problemas, para a elaboração do seu programa de governo a apresentar aos eleitores nas próximas eleições gerais previstas para Agosto deste ano.

    “Queremos ter um plano de governo que vai constar um conjunto de políticas voltadas aos cidadãos” sublinhou.

    Para a CASA-CE, o objectivo geral do futuro programa de governo deverá reflectir para a necessidade de uma reforma geral e profunda do Estado para gerar justiça, educação de qualidade e cidadania activa, desenvolvimento sustentável e o bem-estar dos cidadãos.

    Apontou como objectivo específico reformar o Estado angolano nos sectores político, económico e social.

    No sector político, de acordo com o responsável da CASA-CE, os cidadãos deverão pronunciar-se sobre o actual modelo da eleição do Presidente da República em Angola se responde ou não às suas expectativas e aspirações.

    Sublinhou que, a independência dos órgãos de soberania passará, também, pela consulta popular, durante o exercício lançado hoje, entre outras matérias na vertente política.

    No âmbito económico, Sikonda Lulendo Alexandre disse ser intenção da CASA-CE ouvir dos cidadãos sobre as melhores formas de se diversificar a economia nacional e desenvolver o tecido produtivo interno, de modo a se reduzir de forma significativa as importações.

    Em relação a vertente social, o deputado espera que as propostas estejam direccionadas para a necessidade da melhoria das políticas de ensino, da saúde, assistência aos grupos vulneráveis e mais desfavorecidos, com destaque para as mulheres, crianças e idosos.

    O acto do lançamento da consulta pública para a elaboração do programa de governo da CASA-CE contou com a presença do deputado pelo círculo eleitoral do Zaire pela coligação, Makuta Nkondo.

    Participaram, militantes desta força política, convidados de outros partidos políticos com assento parlamentar (MPLA, FNAL, UNITA e PRS), membros de algumas igrejas, entre outras entidades.

    A delegação da CASA-CE, da qual integra responsáveis da organização juvenil e feminina, trabalha desde sexta-feira no Zaire numa missão partidária e parlamentar, devendo deslocar-se também aos municípios do Cuimba e Soyo.

    Nas eleições gerais de 2017, esta coligação, fundada em 2012, obteve 16 assentos na Assembleia Nacional.

    Publicidade

    spot_img
    FonteAngop

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Lula repete que governo israelense comete genocídio em Gaza e defende criação de Estado palestino

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva dobrou a aposta e reafirmou nesta sexta-feira que o governo de Israel...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema