Sexta-feira, Março 1, 2024
15.2 C
Lisboa
More

    Israel e Hamas decidem prolongar cessar-fogo, diz Catar

    Extensão da trégua nos combates incluiu a libertação de mais 20 reféns israelenses e 30 prisioneiros palestinos, segundo o governo do Catar, além do envio de ajuda humanitária à Gaza.

    Poucas horas antes do fim do quarto e último dia do cessar-fogo no conflito na Faixa Gaza, Israel e o grupo radical islâmico Hamas concordaram em prolongar a trégua por mais dois dias, informou nesta segunda-feira (27/11) o governo do Catar, país que media as negociações juntamente com Egito e Estados Unidos.

    “O cessar-fogo em vigor desde a manhã de sexta-feira será prorrogado por dois dias”, disse Majid al-Ansari, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Catar.

    Pouco antes, o Egito já havia informado que uma extensão da dois dias na trégua estava próxima e que ela incluiria a libertação diária de 10 reféns na Faixa de Gaza em troca de 30 prisioneiros palestinos.

    “Os esforços egípcio-cataris para prolongar a trégua humanitária na Faixa de Gaza estão, até agora, perto de alcançar uma prorrogação por mais dois dias”, havia adiantado o chefe do Serviço Estatal de Informação, Diaa Rashwan, que atua como porta-voz do governo do Egito.

    O porta-voz destacou ainda que, além da troca de reféns por prisioneiros, durante os dois dias de trégua prolongada o cessar-fogo será mantido “em toda a Faixa de Gaza”, onde também não será permitido o voo de caças ou drones israelitas.

    Quarto dia de trégua em meio a incertezas

    Da mesma forma, a entrada de ajuda humanitária, médica e de combustível também continuará em todo o enclave palestino, segundo a nota do Egito, que não forneceu detalhes sobre as quantidades estabelecidas.

    Uma trégua de quatro dias entrou em vigor às 7h da sexta-feira passada (hora local, 2h de Brasília), que previa, no total, a libertação de 50 reféns capturados em Israel pela soltura de 150 prisioneiros palestinos e abria a porta para uma extensão de até dez dias se o Hamas continuasse permitindo a saída de pelo menos dez reféns por dia.

    Tanto o grupo islâmico quanto o governo israelense expressaram publicamente no domingo a disposição de estender o acordo.

    Terceiro grupo libertado

    Neste domingo, o Hamas libertou o terceiro grupo de reféns, sendo 14 israelitas – nove menores, quatro mulheres e um homem – e três tailandeses. Da mesma forma que nos dois dias anteriores, o grupo foi entregue à Cruz Vermelha Internacional. Em troca, Israel libertou 39 prisioneiros palestinos.

    Uma quarta troca está prevista para esta segunda-feira. Segundo o governo do Egito, desta vez 11 reféns israelitas devem ser libertados.

    Mediadores internacionais liderados pelos Estados Unidos, Egito e Catar se empenharam para prolongar o cessar-fogo.

    “Podemos levar todos os reféns para casa. Temos que continuar pressionando”, disseram dois parentes de Abigail Edan, a menina israelita-americana de quatro anos libertada após ter sido detida pelo Hamas desde o ataque brutal de 7 de outubro.

    “Esse é o nosso objetivo, manter esta pausa além de amanhã [segunda-feira], para que possamos continuar vendo mais reféns saindo e mais ajuda humanitária surgindo para os necessitados em Gaza”, disse no domingo o presidente dos EUA, Joe Biden.

    “Tenho a sensação de que todos os partidos na região estão à procura de uma forma de acabar com isto, para que todos os reféns sejam libertados”, afirmou Biden.

    Quase 40 reféns israelitas soltos

    Durante a trégua, o Hamas havia libertado até esta segunda-feira 39 reféns israelenses, enquanto Israel havia soltado 117 prisioneiros palestinos, nos termos do acordo. Outros 19 cidadãos estrangeiros também foram libertados de Gaza sob acordos separados.

    Acredita-se que alguns reféns estejam detidos por outros grupos militantes que não o Hamas, o que complicará potencialmente futuras libertações.

    md (AFP, EFE)

    Publicidade

    spot_img
    FonteDW

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Índia e África do Sul bloqueiam acordo de investimento nas negociações da OMC

    A Índia e a África do Sul apresentaram uma objeção formal contra um acordo de investimento na reunião...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema