Sábado, Maio 25, 2024
13.6 C
Lisboa
More

    Rating de Espanha à beira de bancarrota

    A agência de rating norte-americana Egan Jones cortou, na sexta-feira (20 de julho), a notação de Espanha de CCC+ (o primeiro patamar de risco iminente de default) para CC+, a um passo de situação de bancarrota oficial (notação de C).

    Trata-se da quinta vez que a Egan Jones corta a notação de Espanha desde meados de abril, quando a agência ainda qualificava a dívida espanhola fora de terreno especulativo (vulgo “lixo financeiro”). A 12 de junho tinha cortado a notação de B para CCC+.

    Para a agência, a probabilidade de entrada em incumprimento da dívida espanhola é de 35% no horizonte de 12 meses – recorde-se que, para a CMA DataVision este risco é de 41,39% num horizonte de cinco anos.

    A Egan Jones é uma agência independente e foi a primeira a retirar a qualificação de triplo A aos Estados Unidos, muito antes da Standard & Poor’s em agosto do ano passado aquando da turbulência política no Congresso em torno do teto da dívida.
    Nenhuma das três mais importantes agências de rating – Moody’s, Fitch e Standard & Poor’s – classifica sequer a dívida espanhola em terreno especulativo. A mais baixa notação é atribuída pela Moody’s que classifica a dívida espanhola em Baa3, a um degrau de “lixo financeiro”.

    FONTE: Expresso

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Como é que Itália vê a abertura de Ursula von der Leyen para cooperar com Meloni?

    Meios de comunicação social italianos descrevem a declaração da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, como ousada,...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema