Sábado, Maio 18, 2024
15.3 C
Lisboa
More

    Para a História: O ceticismo de Fidel Castro e Nikita Krushchev sobre a revolução em África

    Krushchev insultou Sekou Touré principal apoiante da luta pela independência da Guiné Bissau

    Os antigos dirigentes de Cuba e da extinta União Soviética, Fidel Castro e Nikita Krsushchev tinham uma opinião muito negativa sobre as perpectivas de uma evolução revolucionária dos países africanos, revelam minutas de conversações entre os dois dirigentes agora divulgadas.

    Em Maio de 1963 Fidel Castro deslocou-se a Moscovo para discutir as crescentes relações entre os dois países e procurar uma justificação para o acordo entre a URSS e os Estados Unidos que levaram à retirada de mísseis soviéticos do território cubano e sobre o qual o dirigente cubano não foi informado com antecedência

    Documentos do Arquivo Estatal Russo de História Contemporânea obtidos pela Arquivo de Segurança Nacional sediado em Washington revelam que num encontro na residência oficial de Zavidovo perto de Moscovo “Fidel Castro pediu a Nikita Kruschev para dar a sua opinião sobre o futuro desenvolvimento político do continente africano fazendo notar que ele próprio tinha uma opinião muito crítica sobre a perspectiva de um rápido progresso politico em vários países africanos”.

    Castro, que expressou grande admiração pelo então dirigente da Argélia Ben Bella disse que os argelinos “fornecem ajuda energética ao movimento rebelde na colónia portuguesa de Angola”.

    “Envia armas, dinheiro e medicamentos e recebe também dirigentes do movimento guerrilheiro de Angola para treino militar”, disse Fidel Castro

    Krushchev disse, segundo a minuta, que a libertação dos países africanos que “tem vindo a acontecer rápidamente nos últimos anos nem sempre produziu os resultados desejados”.

    O dirigente soviético culpou isso nas potências coloniais que “tentaram manter os seus lacaios na liderança dos jovens estados africanos, instigando confrontos raciais” e ainda na “fraqueza organizacional das forças progressistas”

    “Os povos de África ainda têm que descobrir quais dos seus líderes são os verdadeiros defensores dos seus interesses” disse o dirigente soviético acrescentando que os africanos têm que “descobrir por si próprio que nem todos os brancos são exploradores e nem todos os negros são explorados e compreenderem que há negros da classe trabalhadora e negros burgueses”.

    O dirigente soviético manfestou depois uma opinião negativa sobre o primeiro líder da Guiné Conackry, Sekou Touré, que paradoxalmente teve péssimas relações com os países ocidentais e foi um dos principais apoiantes da luta de libertação na Guiné Bissau.

    Para Krushchev os povos africanos “têm ainda que lutar contra o nacionalismo burguês no pior sentido da palavras e contra prostitutos políticos como Sekou Touré”.

    “Resumindo podemos dizer que a sua libertaçao foi fácil mas têm uma luta dura à sua frente, uma luta social à sua frente”, disse Krushchev.

    A minuta do encontro diz logo de seguida “Fidel Castro expressou o seu total acordo com a opinião de Nikita Kruschchev e agradeceu-lhe por expressar a sua opinião”.

    No encontro e quando fazia a apologia do governo argelino Castro revelou que o presidente argelino Ben Bella “ajudou-o a adquirir passapportes argelinos para alguns revolucionarios latino americanos que depois puderam usar esses passaportes para viajarem ilegalmente em trabalho continental em pa’ises latino americanos”

    Castro disse ainda a Krushchev ser necessário “retirar Ben Bella do nacionalismo arábe burguês, torna-lo num conta peso à tendência de Nasser de unir o mundo arábe numa base anti comunista”.

    O objetivo, disse Castro “deveria ser ter como alvo um confronto direto das duas tendências do movimento nacionalista arábe, o movimento naserista e o movimetno Ben Bella”.

    Ben Bella foi derrubado num golpe militar em 1965

    Publicidade

    spot_img
    FonteVOA

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    TSE suspende julgamento de ações que pedem cassação de Moro por atos na pré-campanha em 2022; caso será retomado na 3ª

    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) suspendeu nesta quinta-feira o julgamento das ações que pedem a cassação do senador Sergio...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema