Sexta-feira, Julho 19, 2024
29.9 C
Lisboa
More

    Palácio Real e a sede do Partido Trabalhista também eram alvos de atentados na Noruega

    O Palácio Real da Noruega e a sede do Partido Trabalhista também constavam da lista de alvos do autor confesso dos ataques em Oslo, Anders Behring Breivik, noticiou ontem o jornal norueguês “Verdens Gang”, citando fonte judicial.
    Anders Behring Breivik “revelou durante o seu interrogatório que planeava atacar outros alvos”, confirmou o Procurador-geral da Noruega, Paal Fredrik Hjort Kraby, ao jornal norueguês.
    O “Verdens Gang” avança que o Palácio Real constava da lista de alvos devido ao seu valor simbólico, a sede do Partido  Trabalhista pela culpa que esta formação política, segundo Breivik, tem na instauração de uma sociedade multicultural, que ele repudia.
    Breivik foi novamente interrogado na sexta-feira pela Polícia norueguesa, uma semana depois do duplo atentado, com base em novos dados obtidos pela investigação em curso, informaram fontes policiais.
    O advogado de Breivik, Geir Lippestad, tinha adiantado na sexta-feira ao diário norueguês “Aftenposten” que o seu constituinte planeava mais ataques bombistas contra dois edifícios. “Não vou comentar sobre o número ou a natureza dos alvos que tinha em mente.
    Estes são alvos óbvios para os terroristas e cuja ideia era atingir o governo”, afirmou, por sua vez, Hjort Kraby ao jornal “Verdens Gang”. Os ataques perpetrados na sexta-feira (22) por Anders Behring Breivik fizeram 77 mortos, de acordo com um último balanço oficial divulgado ontem.
    No total, 69 pessoas morreram no tiroteio na ilha de Utoya, perto da capital norueguesa, onde decorria um acampamento de jovens do Partido Trabalhista norueguês, e oito na explosão de um carro armadilhado que tinha como alvo a sede do governo norueguês, no centro de Oslo.

    A polícia norueguesa, que já tinha divulgado ao longo da semana a identidade de 41 vítimas, publicou uma lista actualizada com 36 novos nomes, ou seja, um total de 77 mortos, segundo relatou a agência noticiosa francesa AFP.
    De acordo com a AFP, o número de vítimas aumentou após a morte de um ferido no início da semana, embora a morte desta vítima não tenha sido anunciada pelas autoridades norueguesas. Questionada pela agência francesa, a Polícia de Oslo não explicou a diferença face ao balanço oficial, que confirmava a morte de 76 pessoas.  A polícia anunciou na quinta-feira que tinha terminado as buscas de eventuais desaparecidos na ilha de Utoya.
    Anders Behring Breivik, de 32 anos, reconheceu na segunda-feira, diante do tribunal, a autoria dos dois atentados.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Donald Trump provoca polêmica sobre Taiwan

    Donald Trump defenderá Taiwan no caso de uma invasão da China se vencer as eleições de novembro nos Estados...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema