Sábado, Abril 20, 2024
22.6 C
Lisboa
More

    ONU pede medidas duras do Governo de Cabo Verde contra a exploração sexual de menores

    VOA

    O Comité das Nações Unidas para os Direitos das Crianças exortou o Governo cabo-verdiano a reforçar o combate à exploração de menores, através de medidas sérias e alertou estar preocupado com a situação do país

    Aquele comité, que integra o escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, exortou as autoridades cabo-verdianas a “proibir e criminalizar o uso, procura ou oferta de crianças entre os 16 e os 18 anos para propósitos de prostituição ou de pornografia” e a adoptar “uma abordagem multissectorial” para assegurar que as vítimas destes abusos tenham acesso a apoio médico, psicológico e social após as denúncias.

    O “estabelecimento de mecanismos, procedimentos e linhas guia para assegurar a denúncia obrigatória de casos de exploração e abuso sexual de menores” é outra medida proposta pelo órgão, que afirmou estar seriamente preocupado com os abusos sexuais de menores em Cabo Verde que têm aumentado, bem como a prostituição e pornografia infantil,

    Dados do Instituto Cabo-Verdiano da Criança e do Adolescente (ICCA) apotam que em 2018, recebeu 188 denúncias de abuso sexual, um aumento face às 172 do ano anterior e às 127 de 2016.

    A acrescentar a este cenário, aquele órgão assinalou que o abuso sexual de menores foi “o crime sexual mais denunciado durante o ano judicial 2016/2017” e que os agressores “são regularmente membros da família ou conhecidos da família”.

    Os casos também acontecem nas escolas e no contexto turístico, em que as meninas são as principais vítimas.

    A situação das crianças em Cabo Verde foi debatida recentemente em Genebra, na Suíça, tendo o comité saudado, no entanto, a adopção do Plano Nacional de Combate à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.

    Entre várias outras recomendações, o Comité das Nações Unidas para os Direitos das Crianças sugeriu campanhas de consciencialização sobre o assunto e para combater a estigmatização de temas como o incest e um maior diálogo com a indústria do turismo com vista ao fortalecimento da prevenção e denúncia de casos de exploração e abuso sexual em contexto turístico.

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Terminam audiências de julgamento por escândalo ‘Panama Papers’

    As audiências do julgamento por suposta lavagem de dinheiro contra os fundadores do extinto escritório de advocacia panamenho Mossack...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema