Segunda-feira, Fevereiro 26, 2024
12.1 C
Lisboa
More

    Líder da Yahoo abandona sob suspeita de ter mentido no currículo

    O presidente executivo da Yahoo, uma das grandes empresas de Internet no mundo, não resistiu às suspeitas de ter prestado informações falsas no seu currículo. Scott Thompson terá incluído uma licenciatura em Ciências dos Computadores, o que não corresponderá à verdade. Antes de abandonar, comunicou que lhe tinha sido diagnosticado um cancro na tiróide, noticia o Wall Street Journal.

    As suspeitas de que haveria algo de errado com o currículo de Scott Thompson começaram a avolumar-se há poucas semanas e, no início de Maio a própria empresa anunciava que havia imprecisões no currículo do chief executive officer (CEO), entretanto corrigidas.
    Scott Thompson tinha deixado a PayPal em Janeiro para liderar a Yahoo, que se encontra a braços com dificuldades. Poucas semanas depois, um dos maiores investidores do Yahoo, Dan Loeb, terá descoberto incongruências no currículo de Thompson, que sustentava ter uma licenciatura em Ciências de Computadores e outra em Contabilidade, por uma universidade de Boston. Porém, o curso de Ciências de Computadores só foi criado alguns anos depois de Thompson ter deixado a universidade.

    A companhia que detém o portal Yahoo fez agora uma trégua com o autor da denúncia, que vinha alimentando uma guerra com Thopson e procurava ter mais influência dentro da empresa. Dan Loeb, que detém 5,8% do capital da Yahoo através de uma empresa chamada Third Point, será um dos novos nomes no conselho e administração da empresa, que designou o vice-presidente Ross Levinsohn, responsável pelos mercados americanos, para substituto interino de Thompson.

    Esta substituição do presidente e o acordo com Dan Loeb, que funciona na prática como uma trégua, foi anunciado ao mercado no domingo, através de um comunicado publicado pela empresa. Fred Amoroso será, por seu lado, o novo presidente do conselho.

    De acordo com o jornal norte-americano Wall Street Journal, antes de resignar ao cargo, Scott Thompson revelou a colegas da administração que lhe tinha sido diagnosticado um cancro na tiróide. O mesmo jornal, que cita fontes anónimas “conhecedoras do caso”, refere que essa terá sido a razão do afastamento, tendo em conta que Thompson já se defendeu no caso do currículo, dizendo que não era responsável pela inclusão da licenciatura inexistente naquele documento.

    Fonte: PUBLICO

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Estados Unidos e China exploram novas opções de alívio da dívida para os países em desenvolvimento

    Os Estados Unidos e a China estão a discutir novas medidas para evitar uma onda de incumprimentos soberanos nos...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema