Sexta-feira, Julho 19, 2024
29.9 C
Lisboa
More

    Julu exibe “A Outra” no seu aniversário

    O grupo de teatro Julu exibe quinta e sexta-feira, às 20h00, na sala da Liga Africana, a sua mais recente obra intitulada “A Outra”, no âmbito dos festejos do seu 19º aniversário, que se comemora no próximo dia 9 de Junho.
    Lourenço Mateus, director artístico do grupo, disse ao Jornal de Angola, que a peça procura abordar a questão da mulher, na perspectiva de ser a outra companheira do homem. Referiu que a família é o núcleo da sociedade e a perspectiva do grupo é retratar este fenómeno (da outra), que por vezes se torna um factor de destruição de muitos lares. “É pelo facto de muitas mulheres ficarem submetidas a uma condição pouco digna, que o Julu procura encorajar estas mulheres a constituírem as suas famílias”, frisou.
    A peça conta com a participação de dez actores do Julu. Lourenço Mateus frisou que para além das duas exibições da peça “A Outra”, na Liga Africana, está prevista a realização de actividades culturais com a comunidade paroquial de São Domingos, onde o grupo foi criado.
    “O ponto alto das comemorações do nosso 19º aniversário é a exibição da peça ‘A Outra’, mas teremos também uma confraternização no sábado com os nossos familiares e pessoas que ajudaram o grupo ao longo dos anos de existência”, disse Lourenço Mateus.
    O director artístico do Julu anunciou que o grupo está a preparar para o segundo semestre a estreia da peça “A Revolta da casa dos Ídolos”, adaptada da obra de Pepetela.
    “Já temos as coisas bem avançadas para a estreia da peça teatral. Estamos à espera do contacto com o escritor Pepetela para fazermos um estudo com ele”, disse Lourenço Mateus, acrescentando que a falta de uma sala também está a dificultar a estreia da peça, uma vez que a programação da Liga Africana já está preenchida.
    O grupo Julu ao longo dos anos desenvolveu uma série de actividades com destaque para a parceria com o Comité de Cidadania do MPLA em Luanda, na divulgação dos símbolos nacionais nas escolas e em parceria com a ONG “Com Saúde” e com os órgãos de justiça em Luanda. Este ano, o grupo promoveu uma acção de formação para os seus actores que ficaram mais reforçados em termos de técnicas de representação e guionismo e maquilhagem. Também abordaram a relação entre o teatro e a televisão, já que vários actores do grupo participam em novelas.

    O grupo Julu existe desde 1992, actua em várias províncias através de rádio drama, spots televisivos e teatro nas comunidades. Em 1993 assinou um contrato com o Fundo das Nações Unidas para a Infância “UNICEF”, para desenvolver acções na protecção, desenvolvimento e sobrevivência da criança, na campanha de vacinação, no combate às minas, na área de saúde e educação.
    Vencedor duas vezes do Festival de Teatro de Luanda em 1999 e em 2000, teve participações internacionais como a bienal dos jovens criadores da CPLP, em festivais africanos no Congo Democrático, e troca de experiências com grupos de Moçambique.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Donald Trump provoca polêmica sobre Taiwan

    Donald Trump defenderá Taiwan no caso de uma invasão da China se vencer as eleições de novembro nos Estados...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema