Terça-feira, Julho 23, 2024
29.9 C
Lisboa
More

    Islão foi tema de palestra

    A direcção da Cultura no Kwanza-Sul realizou,  no Sumbe, no anfiteatro do Instituto Médio Politécnico, uma palestra sobre “a peregrinação religiosa e o Islão em Angola”, que antecedeu o acto provincial das comemorações do 8 de Janeiro.
    O orador foi vigário da Diocese de Benguela, António Custódio, que falou sobre Maomé, fundador do Islão, e do radicalismo de alguns seguidores desta religião, uma das causas da instabilidade em alguns países, como são os casos, frisou, do Iemen, Iraque, Irão, Palestina, Jordânia e Síria,
    O vigário disse que o islamismo surgiu em Angola com a chegada de indivíduos provenientes da Guine-Bissau e da Guiné Conakry e que as principais mesquitas foram abertas, entre 1992 e 1995, em Luanda, nos bairros do Palanca e Mártires de Kinfangondo.
    Na cerimónia, alusiva ao Dia da Cultura, foram entregues diplomas de reconhecimento às entidades colectivas e singulares que contribuíram para o engradecimento cultural na província. Entre a assistência estavam membros do governo provincial, a vice-governadora para a área política e social, Fernanda Cabral, bem como representantes da administração municipal e agentes culturais.

     

    Fonte: Jornal de Angola

    Fotografia: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    1 COMENTÁRIO

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    EUA: Onde Kamala Harris se posiciona em relação às alterações climáticas e porque é que isto a torna vulnerável aos ataques de Trump

    A retirada de Joe Biden da corrida presidencial de 2024 — cedendo a semanas de pressão após um debate...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema