Terça-feira, Maio 28, 2024
14.8 C
Lisboa
More

    Guiné-Bissau: Governo promete reformas militares e combate ao tráfico de droga

    O governo de transição da Guiné-Bissau disse que vai continuar com o programa de reformas dos sector militar do pais e prometeu tambem ccontinuar com o combate àao tráfico de drogas.
    O governo convocou a imprensa para fazer o balanço de um mês da sua governação e pela voz do ministro da presidência do conselho de ministros, Fernando Vaz, considerou positivo os trinta dias de exercício.

    Disse também que o momento exige de cada guineense, “o compromisso de cessar com a espiral de calúnia, ódio e violência”.

    Trata-se de um governo saído de golpe de estado que pretende realizar varias acções governativas em doze meses.

    Promete atenuar a crónica debilidade do sistema energético no país, com a instalação de novos grupos eletrogénios e a aplicação efectiva do processo da reforma nos sectores da defesa e segurança.

    Sobre este particular, Fernando Vaz apontou a CEDEAO como um condutor incontornável. Sobre as acções até aqui realizadas, o porta-voz do governo afirma que houve o aumento no rigor da gestão dos bens públicos, através da aplicação de algumas medidas assentada no reforço do nível de combate a corrupção.

    E, numa altura em que se fala muito no aumento do tráfico de droga no país, isto após o Golpe de Estado de 12 de Abril último,envolvendo alegadamente algumas figuras do poder, o ministro falou da firme vontade do executivo na aplicação das prioridades de combate ao narcotráfico e ao crime transfronteiriço.

    O governo guineense disse ainda que vai apoiar as entidades judiciais para o julgamento dos casos de assassinatos políticos ocorridos nos últimos anos na Guiné-Bissau.

    FONTE: Voa

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Palestinianos acusam Israel de “massacre” em ataques a deslocados em Rafah

    De acordo com as autoridades do Hamas, pelo menos 45 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas no bombardeamento israelita...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema