Segunda-feira, Julho 15, 2024
23.1 C
Lisboa
More

    Grupo Pitabel exibe peças na Liga

    O grupo teatral Pitabel exibe este fim-de-semana às 20h00, na Liga Africana, os espectáculos “Amor e droga na terceira idade”, no sábado, e “O preço do fato”, no domingo, inserido no programa das comemorações do seu 10º aniversário.
    Uma comédia, a peça “Amor e droga na terceira idade” é baseada na vivência dos mais velhos e, além de fazer uma abordagem sobre os hábitos e práticas da tradição africana, mostra aos mais jovens que muitos kotas continuam a ter vontade de levar uma vida amorosa activa com os seus parceiros.
    A peça centra-se na história de Rico, um homem de 60 anos, que tem vários conflitos com a sua parceira, Sheila, o seu amor de longa data, devido à influência negativa de alguns amigos que o levam ao mundo das drogas e, consequentemente, a ter conflitos familiares.
    O espectáculo mostra que os idosos têm condições para ter uma vida amorosa activa, apesar de muitos ainda serem vítimas de mitos e de alguns ensinamentos religiosos sobre a sexualidade.
    O espectáculo “O Preço do fato”, segundo Adérito Rodrigues “Bi”, responsável do grupo, retrata o conflito entre o tradicional e o moderno. A trama da peça gravita em torno da vida de Cristina, uma jovem de 25 anos, natural de Mbanza Congo, mas que cresceu em Luanda, que põe a vida em risco ao desvalorizar os seus costumes em detrimento de outras culturas. Adérito Rodrigues disse que o título “O Preço do fato” procura tão-somente tipificar questões que parecem simples, mas cuja solução exige respostas positivas, retratando assim o conflito entre o tradicional e o moderno, o novo e o antigo.
    Fundado em Agosto de 2001, em Luanda, o Núcleo de Artes Pitabel venceu a edição 2010 do Prémio Nacional de Cultura e Artes, na categoria de teatro. Em 2006, venceu oPrémio de Teatro Cidade de Luanda e conquistou três vezes consecutivas o troféu de melhor texto de teatro no Prémio Cidade de Luanda, nas edições 2006, 2008 e 2009. Venceu ainda o prémio DSTV-BWE, em 2006, e apresentou, três anos depois, o melhor espectáculo do Festival de Teatro do Cazenga.
    Composto por 15 elementos, o  Pitabel tem no seu repertório, entre outras, as peças “De Quem é a Culpa”, com a qual conquistou o prémio de melhor espectáculo dos grupos de Luanda no Festival do Cazenga, e “Triologia de Missosso”, adaptada do romance do escritor Óscar Ribas, considerado um dos maiores expoentes da literatura nacional.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Trump é retirado de comício na Pensilvânia após disparos

    O ex-presidente americano Donald Trump, candidato à reeleição, foi retirado do palco neste sábado durante um comício na Pensilvânia,...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema