Sábado, Março 2, 2024
11.8 C
Lisboa
More

    EUA e Irão mantêm encontro de mais alto nível em seis anos

    Secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e chanceler iraniano, Javad Zarif, participam de reunião com membros do Conselho de Segurança e a Alemanha (Foto: AP)
    Secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e chanceler iraniano, Javad Zarif, participam de reunião com membros do Conselho de Segurança e a Alemanha (Foto: AP)

    Reunião teve objetivo de relançar negociação sobre programa nuclear; Zarif espera acordo dentro de um ano

    O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e o chanceler iraniano, Javad Zarif, descreveram nesta quinta-feira como “construtivo” o primeiro encontro de mais alto nível que os dois países mantiveram em seis anos.

    Realizado às margens da 68ª Assembleia Geral da ONU e liderado pela chefe de Relações Exteriores da União Europeia (UE), Catherine Ashton, o encontro dos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança (China, EUA, França, Reino Unido e Rússia) mais Alemanha com o Irão teve o objetivo de lançar as bases de negociação para o controvertido programa nuclear da nação persa.

    Secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e chanceler iraniano, Javad Zarif, participam de reunião com membros do Conselho de Segurança e a Alemanha

    Kerry e Zarif cumprimentaram-se com um aperto de mão e se sentaram perto um do outro durante a reunião em Nova York. No fim dela, os dois também mantiveram uma inesperada conversa a sós depois de Kerry se dirigir a Zarif dizendo: “Podemos nos falar por alguns minutos?”

    Em entrevista posterior ao encontro, Zarif afirmou que os países concordaram em negociações aceleradas, com a esperança de que um acordo seja alcançado dentro de um ano. A chefe de política externa da UE anunciou em colectiva que as partes “concordaram em avançar com uma cronograma ambicioso”. Haverá uma nova rodada de negociações nos dias 15 e 16 em Genebra, Suíça.

    Em seu discurso perante a Assembleia na terça-feira, o presidente dos EUA, Barack Obama, encarregou Kerry de liderar os esforços para explorar meios de resolver a disputa de longa data.

    Enquanto o Irão afirma que seu enriquecimento de urânio tem propósitos médicos e o objetivo pacífico de produzir combustível para reactores, as potências mundiais e Israel temem que a finalidade seja bélica

    A reunião ocorreu horas depois de o presidente do Irão, Hassan Rouhani, ter repreendido Israel por ser o único país do Oriente Médio que não assinou o Tratado de Não Proliferação Nuclear, de 1979. Em discurso durante um fórum de desarmamento nuclear da ONU, o líder iraniano fez um apelo pelo fim de todas as armas atômicas, conclamando Israel a assinar o documento.

    Desde sua eleição em Junho, Rouhani deixou claro que quer aliviar as sanções internacionais impostas contra seu país para forçá-lo a interromper o programa nuclear. Em gestos para tentar amenizar a pressão econômica do Ocidente, ele declarou disposição para manter negociações e disse nesta quinta-feira acreditar que um acordo pode ser alcançado em seis meses.

    Em seu discurso perante a Assembleia na quarta-feira, Rouhani reiterou sua disposição ao diálogo, mas afirmou que qualquer acordo tem de reconhecer o direito do Irão ao enriquecimento de urânio. (utimosegundo.ig.com.br/)

    Por Leda Balbino – de Nova York

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    PGR realça empenho no combate à criminalidade económico-financeira

    O Procurador-Geral da República (PGR), Hélder Pitta Groz, sublinhou esta sexta-feira, em Luanda, que o esforço e empenho da...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema