Sexta-feira, Março 1, 2024
15.2 C
Lisboa
More

    Enfermeira britânica assassina de bebês é condenada à prisão perpétua

    A enfermeira Lucy Letby passará o resto de sua vida atrás das grades por matar sete bebês recém-nascidos depois que um juiz do Reino Unido determinou na segunda-feira que ela nunca deve ser libertada.

    Letby, de 33 anos, assassinou cinco meninos e duas meninas na unidade neonatal do hospital Condessa de Chester, no norte da Inglaterra, durante 13 meses a partir de 2015, injetando insulina ou ar nos bebês, ou alimentando-os à força com leite.

    Alguns dos que ela atacou eram gêmeos – em um caso ela assassinou os dois irmãos, em outro ela matou dois dos três trigêmeos e em dois casos ela assassinou um gêmeo, mas falhou em suas tentativas de matar o outro.

    “Foi uma campanha cruel, calculada e cínica de assassinato de crianças envolvendo os menores e mais vulneráveis”, disse o juiz James Goss, que a condenou à prisão perpétua sem perspectiva de libertação.

    “Havia uma maldade profunda que beirava o sadismo em suas ações… Você não tem remorso. Não há fatores atenuantes… Você passará o resto de sua vida na prisão”, afirmou ele enquanto os pais dos bebês choravam no tribunal.

    Ordens de prisão perpétua são muito raras, e apenas três mulheres no Reino Unido receberam tal sentença antes, incluindo as assassinas em série Myra Hindley e Rosemary West.

    A polícia não encontrou nenhum motivo para os crimes da enfermeira, e Goss disse que apenas Letby sabia os motivos de suas ações.

    Ela se recusou a deixar a cela para ouvir sua sentença ser proferida.

    A mãe de uma das vítimas descreveu isso como um ato final de maldade.

    Os crimes cometidos por Letby, que estava na casa dos 20 anos quando cometeu a matança em seu local de trabalho, horrorizaram o Reino Unido, destruíram a vida das famílias das vítimas e causaram danos duradouros aos colegas dela.

    Letby foi considerada culpada na semana passada de sete acusações de assassinato e sete de tentativa de homicídio após um julgamento de 10 meses na Corte Manchester Crown.

    Por Michael Holden

    Publicidade

    spot_img
    FonteREUTERS

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Índia e África do Sul bloqueiam acordo de investimento nas negociações da OMC

    A Índia e a África do Sul apresentaram uma objeção formal contra um acordo de investimento na reunião...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema