Sexta-feira, Março 1, 2024
11.7 C
Lisboa
More

    Eleições Gerais de 2022: Partidos políticos prontos para entregarem listas às eleições de Agosto

    Três dos oito partidos com possibilidades de concorrer às eleições de 24 de Agosto em Angola manifestam-se optimistas quanto à entrega, dentro dos prazos definidos, das listas de deputados e das assinaturas de apoio às candidaturas.

    O secretário nacional para os Assuntos Eleitorais da UNITA, Faustino Mumbica, diz que a formalização da candidatura pode acontecer nos próximos dias.

    “As listas estão prontas. Falta só a sua homologação pelo Comité Permanente”, afirma em conversa com a VOA.

    A FNLA também ainda não fixou a data para a entrega do processo ao Tribunal Constitucional, mas o seu porta-voz, Ndonda Nzinga, garante que “as assinaturas já existem, faltando apenas a aprovação da lista dos candidatos à Assembleia Nacional”.

    De igual forma, o porta-voz da CASA-CE, João Nazaré, assegura que o processo de candidatura da plataforma política pode ser remetido “ a qualquer momento”.

    “Estamos simplesmente a ver alguns detalhes e as listas estão na sua fase de composição”, disse.

    Entretanto, o director do Gabinete dos Partidos Políticos do Tribunal Constitucional, Mauro Alexandre, anunciou na segunda-feira,6, que a primeira candidatura será apresentada já nesta quarta-feira, 8.

    Mauro Alexandre escusou-se a revelar a identidade do partido em causa mas analistas que acompanham o processo admitem tratar-se do partido no poder, o MPLA, por ser o único que já aprovou a composição da lista de seus candidatos a deputados à Assembleia Nacional.

    A seguir ao seu líder e candidato à sua própria sucessão na presidência angolana , João Lourenço, a lista do partido no poder integra a bióloga Esperança da Costa candidata a vice-Presidente da República e ainda Carolina Cerqueira que concorre para o cargo de presidente da Assembleia Nacional.

    A formalização das candidaturas é feita por prévio agendamento, através de uma plataforma digital que permite escolher o dia e a hora de preferência dos interessados.

    Nas declarações que prestou à imprensa na segunda-feira,6, o director dos partidos políticos do TC lembrou que os partidos e coligações de partidos políticos têm até ao dia 25 deste mês para formalizarem as suas candidaturas.

    Depois, seguir-se-á o prazo para suprimentos de irregularidades ou de insuficiências durante o qual as formações políticas terão dez dias para o fazer.

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Índia e África do Sul bloqueiam acordo de investimento nas negociações da OMC

    A Índia e a África do Sul apresentaram uma objeção formal contra um acordo de investimento na reunião...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema