Segunda-feira, Abril 15, 2024
18.5 C
Lisboa
More

    Declarado estado de emergência por causa dos estragos do “Irene”

    O presidente Barack Obama declarou, ontem, a situação de “grande desastre” na Carolina do Norte e em Nova Iorque após a passagem do furacão “Irene” no último fim-de-semana, que provocou grandes inundações.
    A decisão permite a liberação de fundos federais para aliviar os esforços de recuperação nos dois estados, gravemente afectados pela tempestade. O furacão, que se extinguiu sobre o Canadá na terça-feira, passou pela cidade de Nova Iorque sem provocar a devastação que era temida, mas deixou para trás grandes inundações em três estados da costa leste dos Estados Unidos e milhões de residências sem energia eléctrica.
    Dois dias depois da passagem do furacão “Irene”, as equipas de socorro continuam a ajudar os milhares de americanos ainda isolados pelas inundações, enquanto o número de mortes já chegou a 49, em toda a região afectada.
    Segundo dados oficiais, 43 pessoas morreram durante a passagem do “Irene” pelos Estados Unidos, oito delas em Nova Iorque, sete em Nova Jersey e seis na Carolina do Norte, onde o furacão tocou a terra no último sábado com ventos superiores a 140 km/h.
    Depois da sua passagem, milhares de famílias continuam à espera da chegada da Guarda Nacional e dos bombeiros responsáveis pela distribuição de água e alimentos.
    Nos arredores de Wilmington, no estado de Vermont, a principal estrada está bloqueada pela lama e diversas rodovias não podem ser usadas devido aos estragos do furacão. A água espalhada em apenas 24 horas é equivalente a dois meses de chuva. “O problema é a inacessibilidade”, explicou o chefe das operações de emergência, Dave Miller, à AFP. As equipas continuam a retirar veículos encalhados na lama e a cortar árvores nas vias públicas, que, durante a queda, arrastaram cabos de electricidade. Em muitos locais, a ajuda de emergência teve de ser distribuída através de barcos ou helicópteros.
    A situação é a mesma em várias regiões dos estados de Nova Jersey e Nova Iorque, onde vários centros transformaram-se em abrigos.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Analistas avaliam preço do petróleo após ataque do Irão a Israel

    Os futuros do petróleo quase não foram afetados pelo ataque sem precedentes do Irão a Israel, com os traders...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema