Sábado, Junho 15, 2024
15.4 C
Lisboa
More

    Crianças sujeitas a castigos pioram os comportamentos

    A directora da Família e Promoção da Mulher na Huíla exortou, na terça-feira, no Lubango, pais e outros encarregados de educação a evitarem atitudes que prejudiquem desenvolvimento físico e motor das crianças.
    Amélia Metódio, que falava numa palestra sobre “violência doméstica e suas consequências na vida das crianças”, disse que, por exemplo, “não se deve castigar a criança por deixar de cumprir com os deveres de casa ou escolares”.
    O uso da violência para a correcção das crianças, frisou, pode piorar o seu comportamento.
    “Isso torna a criança revoltada, desamparada e pode levá-la a recorrer a más companhias, enveredar pela droga, alcoolismo e outros males”, referiu, defendendo o diálogo constante entre pais ou outros encarregados de educação com os educandos.
    “Os pais, encarregados de educação e tutores de menores devem procurar ser, cada vez mais, amigos dos filhos, corrigi-los com delicadeza, paciência e aconselhá-los sempre”, disse.
    Amélia Metódio pediu às crianças que respeitem e obedeçam aos pais, professores, pessoas mais velhas e aos próprios colegas para evitarem actos de violência.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Número de falências na Alemanha dispara

    No primeiro trimestre de 2024, 5.209 empresas declararam falência na Alemanha, segundo o Departamento Federal de Estatísticas (Destatis) –...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema