Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto
Categoria do Título da Página

Guiné-Bissau

PAIGC critica aproveitamento político de onda de tráfico de droga na Guiné-Bissau

Sapo|Lusa O Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) criticou hoje o aproveitamento político que alguns partidos políticos da Guiné-Bissau estão a fazer da "onda de tráfico de droga", que não dignifica o país. “As apreensões recorde de estupefacientes em períodos de eleição para além de revelarem a fragilidade do nosso país e a promiscuidade de certas lideranças em negócios ilícitos, constituem elementos de prova inequívoca da vontade política para combater este crime, que todos sabiam”,…

Guiné-Bissau: Manifestação contra correcção de cadernos eleitorais

Na Guiné-Bissau cresce o descontentamento com os preparativos para as eleições presidenciais de 24 de Novembro. Centenas de pessoas saíram às ruas da capital para protestar contra a correcção dos cadernos eleitorais. Para os vários partidos da oposição que participaram no protesto pacífico desta quinta-feira (05/09), escreve a DW, a correcção dos cadernos eleitorais é uma ilegalidade. O Movimento para a Alternância Democrática (MADEM-G15), o Partido de Renovação Social (terceira força no Parlamento guineense) e a…

Polícia guineense investiga rede de traficantes de cocaína

VOA | Lassana Cassamá A Polícia Judiciária (PJ) guineense continua a investigar o envolvimento de mais indivíduos na operação “Navara”, que culminou na recente apreensão de 1869 kg de cocaína. Uma fonte da PJ disse que existem mais pessoas implicadas na rede baseadas no estrangeiro e que podem dificultar a conclusão rápida do processo em curso. A PJ disse que há suspeitas de os traficantes terem ligações com os sistema politico nacional. O Secretário Executivo do Observatório Guineense da Droga e da…

Guiné-Bissau: Batalha renhida entre Jomav e Domingos Simões Pereira nas presidenciais?

DW África As eleições de 24 de Novembro vão vincar ainda mais a oposição entre duas grandes figuras políticas: Domingos Simões Pereira, apoiado pelo PAIGC, e José Mário Vaz, presidente cessante, que se apresenta como independente Há uma grande expectativa por um duelo entre grandes figuras políticas nas eleições presidenciais de 24 de Novembro na Guiné-Bissau. Os dois homens que ambicionam a Presidência do país, José Mário Vaz, à procura da reeleição, e Domingos Simões Pereira, que tenta chegar pela primeira vez à mais…

Guiné-Bissau: Carlos Gomes Júnior apresenta candidatura presidencial

VOA | Lassana Cassamá O antigo primeiro-ministro e candidato presidencial, em 2012, Carlos Gomes Júnior, depositou esta terça-feira, 3, a sua candidatura, junto ao Supremo Tribunal de Justiça, para as presidenciais de 24 de Novembro. Gomes Júnior é o primeiro candidato a entregar o seu pedido de validação a esta instância judicial, e avança sem apoio de qualquer partido politico. O analista politico Rui Landim diz que o facto de Gomes Junior ter sido presidente do PAIGC por mais dez anos “dá-lhe alguma vantagem e…

José Mário Vaz é candidato presidencial

VOA O Presidente da Guiné-Bissau anunciou a sua recandidatura ao cargo nas eleições presidenciais marcadas para 24 de Novembro. O esperado anúncio de José Mário Vaz aconteceu, em Bissau, na quinta-feira, 29, perante os seus apoiantes, provenientes sobretudo do interior do país, onde afirma ser "uma figura de paz". Não obstante a sua Presidência ter sido muito atribulada, com seis primeiro-ministros e sete Governos, em apenas cinco anos, Vaz arroga ter feito uma magistratura positiva, sem golpes de Estado,…

Guiné-Bissau. PJ detém funcionário do Ministério da Educação suspeito de venda de bolsas de estudo

Observador|Lusa A Polícia Judiciária da Guiné-Bissau deteve na terça-feira um funcionário do Ministério da Educação por suspeita de vendas de bolsas de estudo, disse esta quarta-feira à Lusa fonte daquela força de investigação criminal. Segundo a fonte, a detenção foi feita no âmbito de uma investigação que a Polícia Judiciária estava a fazer a atribuição de bolsas de estudo naquele ministério. A PJ explicou que o funcionário contactava estudantes, a quem o Ministério da Educação tinha efetivamente atribuído uma…

Guiné-Bissau: Aliado do Governo não participa na revisão dos cadernos eleitorais

DW África Assembleia do Povo Unido - Partido Democrático da Guiné-Bissau (APU-PDGB) recusou participar nas correcções de omissões dos cadernos eleitorais para as presidenciais. E fala em "questão de legalidade". "O partido APU-PDGB vem levar ao conhecimento de toda a população guineense e à comunidade internacional de que, por uma questão de legalidade, não vai participar nas brigadas de fiscalização dos actos de correcções e omissões que o Governo pretende levar a cabo", salienta o partido, num comunicado citado este…

Domingos Simões Pereira é candidato do PAIGC para as presidenciais

Domingos Simões Pereira teve a maioria dos votos dos membros do Comité Central do partido, derrotando os seus oponentes nas primárias, nomeadamente, Manuel Serifo Nhamadjo, antigo Presidente de Transição, entre 2012 a 2014, Cipriano Cassama, actual Líder do Parlamento, Francisco Benante, que já foi Presidente do Parlamento e do próprio PAIGC e Mário Lopes da Rosa, ex ministro dos Negócios Estrangeiros. O líder do PAIGC, escreve a VOA, concorre, assim, as presidenciais pelo partido, em consequência da decisão do…

PRS interpôs providência cautelar contra Governo da Guiné-Bissau

O Partido da Renovação Social (PRS) interpôs uma providência cautelar contra o Governo da Guiné-Bissau para impedir que o processo de correcções de dados dos cadernos eleitorais avance, disse à Lusa fonte partidária. O líder da bancada parlamentar do PRS, Sola Nquilin, confirmou a entrega da acção judicial, na sexta-feira, "para pedir ao tribunal que ordene ao Governo para parar" com uma iniciativa que o partido considera "ilegal e sem bases de sustentação". Para o PRS, o Governo "age como se fosse dono da lei" ao…

EUA disponíveis para ajudar Guiné-Bissau a realizar presidenciais

O embaixador dos Estados Unidos para a Guiné-Bissau, Tulinabo Mushingi, disse que o seu país está disponível para apoiar as autoridades guineenses na organização das eleições presidenciais, marcadas para 24 de Novembro. "Estamos a ver como manter o foco para ir até às eleições presidenciais, que vai incluir seleccionar vários candidatos, mas para vermos como os Estados Unidos podem apoiar este processo financeiramente, mas também apoiar moralmente o processo até atingirmos o dia 24 de Novembro", afirmou Tulinabo Mushingi.…

Guiné-Bissau: Madem-G15 pede novo recenseamento para presidenciais

DN|Lusa “O Madem defende um novo recenseamento, tendo em conta todas as anomalias , tendo em conta que houve uma recusa ao direito dos cidadãos, tendo em conta que o recenseamento é considerado biométrico mas que milhares de pessoas ficaram sem colocar dados biométricos, tendo em conta que a muitas pessoas foi recusado o direito de votar e de se registarem”, afirmou o secretário-geral do partido Djibril Baldé. Para o dirigente do partido, “tudo isso (…) justifica a necessidade de fazer de um recenseamento novo”.…

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »