Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto
Categoria do Título da Página

Ministério da Energia e Águas

Angola pode atingir 600 MW de energia solar até 2022

Angop O ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, anunciou hoje, em Luanda, no acto de abertura de uma palestra sobre Energias Renováveis, realizada pela embaixada dos EUA em Angola, que o país terá uma capacidade de 600 megawatts de energia solar até 2022. Segundo o governante, o Plano de Segurança Energética com a instalação de cerca de 30 mil sistemas individuais de produção de energia fotovoltaica, a meta preconizada pode ser alcançado, sobretudo com a participação do sector privado. Para si, a…

Angola participa no Fórum de Energia de África em Lisboa

O Fórum de Energia de África vai acolher em Lisboa cerca de três mil participantes, contando com vários ministros da Energia de países lusófonos, entre os quais o ministro da Energia e Águas de Angola, João Baptista Borges, informa a Angop. De acordo com um comunicado da EnergyNet, a empresa organizadora, no encontro, que decorre em Lisboa de 11 a 14 de Junho, será apresentado, pelo primeiro-ministro de Portugal, António Costa, o processo de concurso para 1,35 GigaWatts (para 2019) e 700 MegaWatts (para o início de 2020)…

Ministro anuncia medidas de combate a seca no Cunene

O ministro angolano da Energia e Água, João Baptista Borges, anunciou, hoje sábado, na cidade do Cuito, província do Bié, medidas para a implementação de projectos que visam combater a seca que atinge a região do Cunene, nos últimos anos. Em declarações hoje à Angop, no quadro da visita de três dias que efectou a província do Bié, o governante sublinhou que, o Executivo traçou vários projectos para serem concretizados nos próximos meses, visando essencialmente aliviar os efeitos negativos da seca, que afectam às…

Luanda sem restrições de energia eléctrica

A cidade de Luanda está a ser abastecida de energia eléctrica sem restrições, anunciou no Ambriz, Bengo, o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges avança o Jornal de Angola. Segundo o ministro, a situação da energia no país é favorável, porque a província de Luanda era o principal problema que o sector tinha em termos de capacidade de atendimento. João Baptista Borges reconheceu que algumas zonas do país enfrentam dificuldades quanto ao fornecimento de energia eléctrica, principalmente o Leste e parte do…

Ministro destaca benefícios das energias renováveis

O ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, disse quarta-feira, na cidade de Saurimo, província da Lunda Sul, que a inclusão das energias renováveis no sistema energético ajudará a baixar os custos de produção e melhorar o processo de electrificação do país, principalmente nas zonas rurais. O governante fez esse pronunciamento quando discursava na cerimónia de encerramento do VIII Conselho Consultivo Alargado do Ministério da Energia e Águas, que começou terça-feira (11), sob lema “O nosso desafio é melhorar o…

Ministro quer empresas do sector energético a suportar custos

As empresas energéticas ligadas ao Ministério da Energia e Águas devem dinamizar as suas acções para aumentarem as fontes de arrecadação de receitas, no sentido de suportarem os custos operacionais das instituições. Essa recomendação foi feita quarta-feira, na cidade de Saurimo, província da Lunda Sul, pelo ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, quando discursava no encerramento do VIII Conselho Consultivo Alargado do sector que dirige. Segundo o governante, o Estado angolano vai, nos próximos tempos,…

Programa Quadro apoia extracção do petróleo bruto

O Programa Quadro Nacional (CPF) de uso de energia atómica para fins pacíficos poderá continuar a apoiar na transferência de tecnologia para a utilização de técnicas de rádio traçadores, a fim de melhorar a estratégia de produção e maximizar à extracção global do petróleo bruto, disse hoje o secretário de Estado da Energia, António Belsa da Costa. Ao discursar na abertura do Workshop sobre o Programa Quadro Nacional (CPF), ligado ao uso de energia atómica para fins pacíficos, uma iniciativa da Agência Internacional de…

Ministro da Energia angolano confirma saída da ENDE da Efacec

O ministro da Energia e Águas angolano, João Baptista Borges, confirmou esta terça-feira a decisão do Governo de Luanda de retirar a Empresa Nacional de Distribuição de Eletricidade (ENDE) da parceria que mantém com a portuguesa Efacec. Na base da decisão está, segundo João Baptista Borges, o facto de a parceria, com operações no domínio da engenharia e energia, ter como condição ser a empresa estatal angolana a procurar fundos públicos para suportar o negócio da Efacec, "sem que tivessem sido salvaguardadas as devidas…

Angola na conferência sobre “Água e desenvolvimento sustentável”

Angola participou nesta terça-feira (dia 19) na Conferência Internacional de Alto-Nível sobre a Década Internacional para a Acção "Água para o Desenvolvimento Sustentável", 2018-2028, realizada em Dushanbe, República do Tadjiquistão. A delegação angolana foi chefiada pelo ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, em representação do Presidente da República, João Lourenço, de acordo com uma nota de imprensa do ministério a que a Angop teve hoje acesso. A conferência, organizada por iniciativa do Presidente da…

Ministro quer mais comunicação no sector da Energia e Águas

A máquina de comunicação do sector da Energia e Águas deve ser mais dinâmica, com a divulgação dos avanços e reconhecer as dificuldades, declarou nesta segunda-feira, em Luanda, o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges. Ao falar no seminário metodológico sobre normas de auscultação para Comunicação Pública sobre serviços de electricidade e água, o governante sublinhou que ter uma comunicação eficiente e antecipada evitará certamente a especulação e o boato. De acordo com João Baptista Borges, falar com a…

Ministro da Energia e Águas trabalha em Cabinda

O ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, encontra-se, a partir de hoje (Quarta-feira), em Cabinda, onde cumpre uma visita de trabalho de 24 horas, para avaliar as condições de funcionamento do sector. A Central Térmica de Malembo para a cidade de Cabinda e Vila de Landana, com três turbinas, das quais duas de 35 megawottes cada e uma de 25 megawottes, por exemplo, regista constantes avarias, daí as razões de funcionamento condicionado. Além de se deslocar para o município de Belize, cerca de 22 quilómetros…

Benguela: Ministro da Energia e Águas avalia sector na província

O ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, trabalha desde hoje (quinta-feira), na província de Benguela, onde avalia o funcionamento do sector no litoral da província. Logo após a sua chegada, o ministro inteirou-se da barragem do Biopio e a central térmica da Quileva no município do Lobito, visto que Benguela tem algumas insuficiências na distribuição de energia nas zonas urbanas e subornada e nos pólos industriais devido as limitações das centrais térmicas existentes. Para sexta-feira, João Baptista…
Translate »