Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto
Categoria do Título da Página

Ministério da Economia

Politicas de igualdade do género fundamental para redução da pobreza

Adopção de políticas que estimulem a igualdade do género no acesso a serviços de educação e saúde jogam um papel fundamental na redução da pobreza, referiu nesta quinta-feira, em Luanda, o ministro da Economia e Planeamento, Pedro Luís da Fonseca. Durante o seu discurso de abertura da cerimónia de apresentação do estudo sobre “Tendências da Desigualdade de Rendimentos na África Subsariana” do PNUD, o governante referiu ainda que associados a estes itens, a igualdade de oportunidades no acesso à propriedades e emprego,…

ZEE garante competitividade das empresas

A Zona Económica Especial (ZEE) Luanda/Bengo oferece condições e ambiente que garantem a competitividade e afirmação das empresas nacionais no mercado regional e internacional, afirmou, quarta-feira, na capital do país, o ministro da Economia e Planeamento, Pedro da Fonseca. O governante, que falava durante o acto de tomada de posse do novo Conselho de Administração da Sociedade de Desenvolvimento da ZEE, disse que as acções concorrentes para a competitividade e extensão das empresas nacionais constituem factores…

Assistência financeira do FMI a Angola irá reduzir rácio do serviço da dívida/receitas fiscais

O Governo angolano defendeu, em Luanda, que a intenção de recorrer ao programa de assistência financeira do Fundo Monetário Internacional (FMI), se aprovado, permitirá reduzir significativamente o rácio da dívida/receitas fiscais no país, atualmente nos 114%. A explicação foi dada sábado pelo ministro de Economia e Planeamento de Angola, Pedro da Fonseca, na apresentação do Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN) aos membros, militantes e simpatizantes do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA, no poder), que…

Executivo pretende integração da economia informal na formal

O ministro da Economia e Planeamento, Pedro Luís da Fonseca, afirmou nesta terça-feira, em Luanda, que face ao papel não negligenciável da economia informal, o Executivo se propõe promover a sua integração progressiva na economia formal, tendo para o efeito identificado as políticas e programas que concorrem para a sua materialização. O governante fez este pronunciamento quando discursava no encerramento da mesa redonda sobre a economia informal que decorreu durante dois dias, numa iniciativa da Fundação Sagrada…

Governante diz que plano de desenvolvimento até 2022 centra-se no bem-estar

O ministro da Economia e Planeamento de Angola, Pedro Luís da Fonseca, afirmou hoje que o Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN) do país 2018-2022 tem como "eixo nuclear o desenvolvimento do homem e o seu bem-estar". O posicionamento foi expresso durante a cerimónia de apresentação pública do documento, que constitui o principal instrumento de governação do executivo angolano nesse período, e que suporta igualmente mais sete eixos "fulcrais" de desenvolvimento. "Importa aqui relevar um dos eixos, por sinal o eixo…

Vinte mil milhões de dólares potenciam economia angolana

O Governo deverá investir cerca de vinte mil milhões de dólares anuais em vários sectores, para alavancar e tornar competitiva a economia nacional, anunciou nesta segunda-feira, em Luanda, o ministro da Economia e do Desenvolvimento do Território, Pedro Luís da Fonseca. Ao falar no final da 4ª reunião da Comissão Económica do Conselho de Ministros, Pedro da Fonseca disse que o Estado vair procurar reforçar as suas actividades de coordenação e regulação do sector económico, com destaque para a potenciação do sector…

Angola solicita apoio ao FMI

O Executivo angolano solicitou apoio ao FMI para um programa não financiado denominado "Instrumento de Coordenação de Políticas" (Policy Coordination Instrument - PCI), para auxílio na implementação das medidas contidas nas acções de Estabilização Macroeconómica, iniciadas em Janeiro de 2018. Segundo um documento do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Ministério das Finanças a que a Angop teve acesso terça-feira, em Luanda, este plano servirá ainda para o crescente aumento da credibilidade externa com…

Angola pede assistência ao BAD

A secretária de Estado para o Orçamento e Investimento Público, Aia Eza da Silva, solicitou, terça-feira, em Abidjan, assistência do Banco Africano para o Desenvolvimento (BAD), para permitir que o país conclua a implementação dos seus projectos. “Sentimos fortemente o aumento das operações do banco, bem como o seu maior envolvimento no nosso país. O BAD veio em nosso auxílio quando mais precisávamos”, reconheceu Aia-Eza da Silva, durante a reunião entre o presidente do BAD, Akinwumi Adesina e os ministros das…

Namibe: Capacidade de atracção de investidores dependera dos governadores provinciais

O ministro da Economia e do Planeamento, Pedro da Fonseca, afirmou sábado, nesta cidade, que a maior ou menor capacidade de atracção de investidores e investimentos vai depender do que cada governo provincial for capaz de oferecer ou disponibilizar em matéria de capital humano e institucional. O governante falava na cerimónia de encerramento do primeiro fórum sobre Oportunidades de Investimentos no Namibe, realizado pelo governo local, no âmbito das festas do Mar edição/2018. Disse que as universidades locais podem…

África com oportunidade única de afirmação económica

O ministro do Comércio de Angola, Jofre Van-Dunem Júnior, disse hoje, em Kigali (Ruanda), que a África tem, com a assinatura do acordo da Zona de Livre Comércio Continental, uma grande oportunidade de se afirmar economicamente. A Zona de Livre Comércio Continental deverá ser proclamada a 21 deste mês, na X Cimeira Extraordinária de Chefes de Estado da União Africana. O ministro angolano, que falava a jornalistas no intervalo do Conselho Executivo da União Africana, fez saber que, devido a este facto, os participantes…

Estado retira-se da actividade empresarial

A actividade económica e produtiva fica reservada agora ao sector empresarial privado passando o Estado a limitar-se à promoção do crescimento da economia, declarou hoje o ministro da Economia e Planeamento, Pedro Luís da Fonseca. Essa decisão do Estado angolano, apresentada por Pedro Luís da Fonseca a empresários da indústria transformadora, no âmbito do Programa de Apoio à Produção, Diversificação das Exportações e Substituição das Importações (Prodesi), decorre do facto de o Estado, que pretende alavancar a produção…

Angola vai aprofundar cooperação económica com Egipto

O ministro da Economia e Planeamento de Angola, Pedro Luís da Fonseca, disse, na cidade de Sharm El-Sheikh, Egipto, que as discussões em curso entre as autoridades angolanas e egípcias, para um novo de cooperação económica, poderão aprofundar as relações de amizade entre os dois países. De acordo com uma nota de imprensa da embaixada angolana no Egipto, chegada hoje à Angop, o governante fez estas declarações, a um canal televisivo local, à margem da sua participação no Fórum África 2017, em representação do Presidente…

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »