Sexta-feira, Março 1, 2024
11.7 C
Lisboa
More

    Caso Pegasus-Marrocos: a Unesco financiou a investigação?

    Documentos internos revelam que a instituição internacional chefiada por Audrey Azoulay respondeu favoravelmente a um pedido de subsídio de Forbidden Stories.

    O Ministério das Relações Exteriores de Marrocos está convencido disso e se prepara para informá-lo ao Diretor-Geral da Unesco em Paris, Audrey Azoulay (também filha de André Azoulay, assessor do rei Mohammed VI): a Divisão de Liberdade de Expressão e Mídia O desenvolvimento desta instituição, liderada pelo sul-africano Guy Berger, teria participado financeiramente na investigação das Forbidden Stories, implicando directamente os serviços de segurança marroquinos no uso total do spyware Pegasus (uso que Rabat nega).

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Índia e África do Sul bloqueiam acordo de investimento nas negociações da OMC

    A Índia e a África do Sul apresentaram uma objeção formal contra um acordo de investimento na reunião...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema