Segunda-feira, Julho 22, 2024
18.8 C
Lisboa
More

    Biblioteca SKS tem necessidade de livros

    A Biblioteca Provincial General SKS, do Caxito, está actualmente com um significativo deficit de acervo em diferentes áreas, tendo apenas disponíveis 200 livros para os pesquisadores e estudantes da região.
    A informação consta de um relatório da instituição, a que o Jornal de Angola teve ontem acesso e que realça a necessidade de mais 300 obras de literatura e outras tantas de carácter académico e científico.
    Durante o ano transacto, a instituição registou um total de 307 visitas de estudantes e funcionários públicos, com idades compreendidas entre os 16 e 40 anos, sendo 250 homens e apenas 57 mulheres. Ao longo de 2011, os visitantes procuraram livros de psicologia, sociologia, economia, política, pedagogia, direito, anatomia, didáctica geral e História de África. Constam ainda do acervo da biblioteca livros de química, biologia, matemática, língua portuguesa, literatura nacional, gramática contemporânea e o dicionário da língua portuguesa.
    O relatório refere que a Biblioteca efectuou uma reestruturação das suas instalações, formou bibliotecários e atribuiu tarefas específicas, para dar resposta às solicitações do público leitor.
    Com o objectivo de incentivar o gosto pela leitura na região, a instituição realizou ainda, a 2 de Abril, dia consagrado à Literatura Infantil, visitas às bibliotecas das escolas primárias número 317, da Mifuma, e 307, da Missão. Durante essas visitas, os técnicos da biblioteca provincial constataram que é grande a escassez de material bibliográfico para estudo, particularmente no campo da literatura para crianças.
    A fim de enriquecer o seu acervo bibliográfico, a instituição aguarda por apoios, para poder disponibilizar aos visitantes um maior leque de obras.
    A Biblioteca Provincial General SKS foi inaugurada no dia 14 de Novembro de 2008 e tem uma sala de leitura para 40 visitantes e 22 computadores, até ao momento sem ligação à Internet. Localizada na zona da ex-açucareira Heróis de Caxito, foi criada para homenagear o antigo governador da província do Bengo, Domingos Hungo.

    Segundo dados históricos, a maioria da população do Bengo é ambundu, grupo étnico e sociocultural próximos dos kimbundus.

     

    Fonte: Jornal de Angola

    Fotografia: Edmundo Eucilio

    Publicidade

    spot_img

    1 COMENTÁRIO

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Trump diz que Kamala Harris será mais fácil de derrotar do que Biden

    O candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos, Donald Trump, disse à CNN neste domingo que acha que será...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema