Quarta-feira, Fevereiro 21, 2024
16.5 C
Lisboa
More

    Argentina vence duelo sul-americano e apura-se à meia-final

    ogo Argentina x Brasil (Foto: Lucas Neto)
    ogo Argentina x Brasil (Foto: Lucas Neto)

    A selecção argentina foi superior no duelo sul-americano, após vencer o Brasil, por 9-5, tornando-se na primeira equipa a se qualificar para as meias-finais do 41º campeonato do mundo de hóquei em patins.

    A selecção brasileira contra todas previsões entrou bem para a quadra do Pavilhão Multiusos de Kilamba, em Luanda, e aos 30 segundos, Cláudio Selva inaugurou marcador, sem dar possibilidades de defesa ao guarda-redes Grimalt

    Aos quatro, a formação brasileira através do “capitão” Da Silva ampliou com remate forte, colocando a bola para o fundo das redes de Valentim Grimalt.

    Aos seis minutos, a Argentina (vice-campeã do mundo) reduziu para 1-2, por Nicolas, batendo pela primeira vez o guarda-redes Marcelo Tova. A selecção argentina fruto da sua experiência chegou ao empate aos sete minutos por Garcia, depois de driblar dois opositores.

    Os brasileiros, sem temer o potencial do opositor, desfizeram a igualdade aos 10 minutos num “bis” do capitão Cláudio Selva. Garcia apontou o terceiro golo para Argentina, o segundo da sua conta pessoal, aos 13 minutos da partida com assistência razoável.

    Platero, aos 17 minutos, colocou pela primeira vez Argentina na posição vantajosa. Já na ponta final dos primeiros 20 minutos, os argentinos ampliaram para 5-3, sob responsabilidade de Platero.

    No reatamento do jogo, os brasileiros após receberem instruções do técnico nos balneários durante o intervalo reduziram para 4-5, por Matos, aos 23 minutos. Aos 25, o Brasil falhou  grande penalidade, na sequência de falta cometida na área restritiva do guarda-redes Grimalt.

    Surpreendentemente, o Brasil chegou ao empate, quando se esperava para os argentinos alargarem a diferença de golos do intervalo. Cláudio Selva novamente em evidência fez o terceiro.

    A Argentina, aproveitando distração defensiva brasileira, marcou de dois golos no espaço de um minuto, por Lopez (30’). O oitavo tento da Argentina surgiu aos 35 minutos, da autoria de Garcia, que concretizou o seu quarto golo, ao beneficiar livre directo.

    Pascoal, aos 38 minutos, assinou pela primeira vez o livro, numa jogada de belo efeito sem reacção defensiva brasileira, apontando o nono para Argentina.

    Árbitro  principal – Fermi (Itália)
    Auxiliares – Armati (Suiça) e Navarro (Espanha)

    Argentina – Grimalt, Gimenez, Pascoal, Garcia, Nicolias, Abalos, Rodrguez, Platero, Lopez e Kenan.
    Treinador: Dario Giuliani

    Brasil –  Tova, Noves, Brasiliano, Raposo, Selva, Dias, Di Silva, Matos, Fernandes e Rieger
    Treinador: Miguel Angel  Belbruno (portalangop.co.ao)

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Angola reafirma compromisso com Programa de Acção de Doha

    Angola reafirmou, esta segunda-feira, na sede das Nações Unidas (ONU), em Nova Iorque, o seu compromisso com...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema