Segunda-feira, Julho 15, 2024
20.3 C
Lisboa
More

    Apoiante de Jair Bolsonaro mata dirigente do PT no Paraná

    Um agente da polícia prisional federal brasileira matou a tiros no início da madrugada deste domingo, 10, o guarda municipal e tesoureiro do PT Marcelo Aloizio de Arruda, na sua própria festa de aniversário, em Foz do Iguaçú, Estado do Paraná.

    Jorge José da Rocha Guaranho chegou à porta do dirigente petista que estava a celebrar os 50 anos e tinha publicado imagens da festa nas redes sociais com motivos do PT e do seu candidato presidencial, Lula da Silva

    Depois de um altercado, o atirador saiu de carro, mas disse que regressaria.

    Mais tarde voltou armado e, apesar da esposa da vítima, também polícia, ter tentado impedir que entrasse em casa, o atirador chegou disparando.

    Ao ser atingido por Guaranho, Marcelo Arruda, que estava armado, atingiu o policia penal federal que está em estado crítico no hospital.

    Marcelo Aloizio morreu e deixou esposa e quatro filhos.

    Políticos de todos os espectros condenaram o assassinato e a intolerância, entre eles o Presidente Jair Bolsonaro que divulgou uma nota de 2018 em que pedia a quem quisesse violência que fosse para a esquerda.

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Trump é retirado de comício na Pensilvânia após disparos

    O ex-presidente americano Donald Trump, candidato à reeleição, foi retirado do palco neste sábado durante um comício na Pensilvânia,...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema