Terça-feira, Julho 23, 2024
29.9 C
Lisboa
More

    Angola quer ser o terceiro maior exportador a nível internacional

    A Empresa Nacional de Diamantes de Angola pretende subir no ranking da exportação de diamantes no Mundo, declarou o ministro da Indústria, Geologia e Minas, Joaquim David, em conferência de imprensa, no acto de encerramento que marcou as jornadas técnicas e científicas alusivas ao 31º aniversário da Endiama.

    “Para este ano, a Empresa Nacional de Diamantes de Angola deve esforçar-se para ficarmos entre os três maiores exportadores de diamante do Mundo”, disse. Neste momento, Angola situa-se no quinto lugar. “Temos potencial para subir mais dois lugares”, referiu.

    Joaquim David apelou aos trabalhadores da Endiama no sentido de “continuarem a trabalhar com excelência, subir no ranking, comutar a nossa produção e melhorar as exportações”.A Endiama tem estado a explorar diamantes aluvionares, enquanto procura investidores para o desenvolvimento de kimberlitos.

    Em 2011, a Endiama vendeu 8,32 milhões de quilates, dos quais obteve uma receita de 1,16 mil milhões de dólares norte-americanos, fruto da recuperação do preço do diamante, que se cifrou em 139,6 dólares por quilate, ao contrário de 2010, em que a produção vendida foi de 8,36 milhões de quilates. Este ano, o preço está fixado em 118 dólares por quilate.Criada em 1981, a Endiama tem hoje os seus desafios focalizados na produção e prospecção, assim como aposta na mão-de-obra nacional.

    Para concretizar um dos vários desafios que a Endiama enfrenta, o grupo António Mosquito associou-se à empresa no sentido de relançar o projecto da Sociedade Mineira do Lucapa (SML) inactivo desde 2008. Em conjunto encontraram soluções para reactivar a actividade mineira, assim como resolver o problema salarial dos trabalhadores.A empresa assinou contratos de prospecção e exploração de diamantes com várias sociedades, com o objectivo de identificar novas reservas e reactivar as minas que ficaram paralisadas durante a crise financeira mundial.Na abertura das jornadas técnicas alusivas ao 31º aniversário da Endiama, o presidente do Conselho de Administração, Carlos Sumbula, confirmou que a empresa conseguiu relançar a actividade de prospecção, impulsionada pela subida dos preços do diamante no mercado internacional.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    EUA: Onde Kamala Harris se posiciona em relação às alterações climáticas e porque é que isto a torna vulnerável aos ataques de Trump

    A retirada de Joe Biden da corrida presidencial de 2024 — cedendo a semanas de pressão após um debate...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema