Domingo, Maio 26, 2024
21.7 C
Lisboa
More

    Angola diz que “há espaço” para a cooperação com PME portuguesas de comunicações

    Aristides Safeca. (Foto: ANGOP)
    Aristides Safeca.
    (Foto: ANGOP)

    O secretário de Estado para as Telecomunicações de Angola disse quarta-feira à noite, em Lisboa, que existe “espaço” para a cooperação com as Pequenas e Médias Empresas (PME) portuguesas ao nível das Tecnologias de Informação e Comunicação.

    “A parceria entre empresas tem um campo muito particular, sobretudo na parceria entre as PME. Foi um dos aspectos que abordamos com o secretário de Estado (Sérgio Monteiro, na foto), porque verificamos que já existe uma parceria bastante relevante ao nível dos operadores de certa relevância, mas que existe um grande espaço de melhoria da cooperação ao nível das PME, sobretudo dos serviços que suportam estes grandes operadores”, revelou Aristides Safeca.

    O secretário de Estado para as Telecomunicações de Angola falava durante um debate promovido quarta-feira à noite pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC) e Associação Internacional das Comunicações Internacionais de Expressão Portuguesa.

    Antes do encontro, que juntou empresários e operadores do sector, o secretário de Estado para as Telecomunicações de Angola reuniu-se com o secretário de Estado das Infra-estruturas, Transportes e Comunicações português, Sérgio Monteiro, que apesar de ter dado início ao encontro abandonou a sala por imperativos de agenda.

    “Nós temos um provérbio em português que diz: quem não arrisca não petisca. Angola é uma oportunidade”, afirmou Aristidas Safeca durante o debate, após lhe ter sido pedido “um repto” aos empresários portugueses sobre o mercado angolano das telecomunicações.

    Antes, Sérgio Monteiro afirmou que o investimento angolano no sector das comunicações “é bem-vindo”. “Angola provou que tem um programa de longo prazo, de desenvolvimento de negócio e aproximação. É bem-vindo e queremos que as relações comerciais se aprofundem. O desafio que hoje deixo é a aposta neste aprofundamento”, disse o secretário de Estado português na abertura do encontro.

    Por seu lado, o membro do Governo de Luanda falou do lançamento do satélite de comunicações de Angola, previsto para 2017, e da vontade do país em afirmar-se como uma potência regional na área das Tecnologias de Informação e Comunicações. (jornaldenegocios.pt)

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Anora de Sean Baker vence Palma de Ouro em Cannes. Miguel Gomes recebe Melhor Realização com Grand Tour

    O realizador norte-americano recebeu o prémio de Melhor Filme no Festival de Cinema de Cannes pelo qual "trabalhou toda...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema