Segunda-feira, Julho 15, 2024
23.1 C
Lisboa
More

    Amorim Agnelo conquista título no xadrez

    O Mestre Internacional Amorim Agnelo, que joga a título individual, sagrou-se, ontem, campeão nacional de xadrez, ao empatar contra Gabriel Sapalo, do Kabeto do Kwanza-Sul, na última partida do “match”, beneficiando do seu melhor sistema de desempate (36 pontos de Bulchoz), em relação ao destronado Ediberto Domingos, do Grupo Desportivo da EPAL – GRUDE (35,5).
    O Mestre Internacional Amorim Agnelo chamou a si o título pela terceira vez, depois de ter triunfado, em 1997 e em 2002, tendo sido determinante a vitória que obteve sobre Ediberto Domingos na primeira partida do match e os empates nas três restantes.
    O campeão, regozijado com o resultado, disse, ao Jornal de Angola, que já sabia que ia de ganhar, pois, estava preparado para a prova e era o xadrezista com mais experiência neste tipo de finalíssima, pois em 1997 venceu o também Mestre Internacional Alexandre Nascimento num match e no ano passado ficou em segundo lugar, depois de Ediberto Domingos, à frente do Mestre Nacional Eduardo Pascoal e de Cambando José.
    Ediberto Domingos ocupou o segundo lugar com o mesmo número de pontos que o campeão (2,5), relegando para o terceiro posto Gabriel Sapalo (1), que liderou a maior parte do tempo o campeonato nacional e reconheceu que aprendeu muito durante este match, apesar de ser o último.
    Em feminino, a vitória coube a Sónia Rosalina, com 7,5 pontos, secundada por Valquíria Rocha (7), seguindo-se Nelma Lopes e Edna Gomes (ambas 6,5), Margarida Sussu (6), Irineia Gabriel (5,5), Fátima Reis e Esperança António (5).
    Em função dos resultados da época, as Selecções Nacionais foram já definidas para os Jogos Pan-Africanos, de Maputo. A masculina é constituída por Amorim Agnelo, Ediberto Domingos, Gabriel Sapalo, Catarino Domingos. João Simões e Eduardo são suplentes Pascoal, tendo de cair um deles depois do estágio por as selecções serem formadas por quatro efectivos e um suplente. De fora ficou o Mestre Internacional Adérito Pedro, melhor angolano no ranking internacional (2320) e o mais rápido xadrezista do país, factor a ter em conta no “Pan” posto que se joga com 5 e 30 minutos, respectivamente, partidas rápidas e xadrez activo.
    Igualmente de fora ficou o Mestre Internacional Erikson Soares, campeão africano de juniores. Uma fonte afecta à Federação Angolana de Xadrez (FAX) disse que pesaram sobre o afastamento dos Mestres Internacionais razões ligadas à indisciplina, decorrentes de relatórios de competições anteriores, e à falta de bons resultados durante a época.

    A Selecção Nacional feminina é constituída por Sónia Rosalina, Valquíria Rocha, Nelma Lopes, Edna Gomes e Margarida Sussu, estando na espreita Fátima dos Reis que vai para o estágio. De fora ficou Sandra Venâncio, que desistiu do campeonato nacional por motivos profissionais.

    Fonte: Jornal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Trump é retirado de comício na Pensilvânia após disparos

    O ex-presidente americano Donald Trump, candidato à reeleição, foi retirado do palco neste sábado durante um comício na Pensilvânia,...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema