Domingo, Junho 23, 2024
24.9 C
Lisboa
More

    A Suécia lançará a primeira fábrica de aço “verde” do mundo, revolucionando um dos setores industriais mais poluentes

    A startup sueca H2 Green Steel AB garantiu o seu maior pacote de financiamento ao prosseguir com a primeira fábrica siderúrgica verde em grande escala do mundo no norte da Suécia. A H2GS faz parte de uma nova geração de siderúrgicas que busca reformular a forma como o aço é fabricado numa das indústrias mais poluentes do mundo.

    O aço é uma das commodities mais vitais do mundo, e sua produção é uma das principais causas das emissões de dióxido de carbono que aquecem o planeta. A procura pelo aço está a crescer à medida que a população mundial em expansão obriga a mais investimentos em infraestruturas e edifícios.

    Embora a mudança para tecnologias com baixo teor de carbono esteja em curso noutros sectores, como a produção de eletricidade e o transporte rodoviário, o aço ainda depende esmagadoramente de técnicas de produção concebidas há mais de um século.

    A indústria siderúrgica é responsável por cerca de 7% das emissões globais de carbono. A siderurgia convencional expele dióxido de carbono duas vezes: primeiro, quando o carvão é aquecido para criar coque, e depois, novamente, quando o coque é queimado para derreter o minério de ferro em fornos onde as temperaturas podem atingir mais de 2.000°C.

    A procura global de aço deverá crescer 20% até 2050 em relação aos níveis atuais, de acordo com uma previsão da Associação Mundial do Aço. A descarbonização da indústria ferrosa – que inclui aço para construção e engenharia, bem como ferro fundido e forjado – até meados do século exigirá um investimento estimado em 1,4 trilhões de dólares, segundo a empresa de consultoria Wood Mackenzie Ltd.

    Por isso, inicia-se uma corrida para desenvolver o “aço verde”. Não há diferença real no produto em si em comparação com o aço convencional. É a forma como é fabricado que define o quão verde ou limpo é o aço. A indústria está a experimentar diversas técnicas mais recentes, todas em estágio inicial de desenvolvimento. Uma das mais promissoras envolve a substituição do carvão por hidrogénio verde produzido a partir de energia renovável.

    A empresa sueca assinou acordos para mais 4,2 mil milhões de euros em financiamento de dívida, enquanto elevou o seu capital total para 2,1 mil milhões de euros para a fábrica prevista para entrar em funcionamento no início de 2026, disse o CEO Henrik Henriksson numa conferência de imprensa em Estocolmo, de acordo com a Bloomberg.

    Entre os financiadores da empresa está a empresa de investimentos Vargas Holding AB, que também é fundadora da Northvolt AB, o fabricante sueco de baterias que recentemente garantiu um empréstimo verde de 5 mil milhões de dólares para expandir a produção na sua fábrica no norte da Suécia. Outros apoiadores da H2GS incluem Kinnevik AB e o fundador da Spotify Technology SA, Daniel Ek .

    A siderúrgica com sede em Estocolmo disse ter assinado acordos de 3,5 bilhões de euros em dívida sénior e de até 600 milhões de euros por meio de um instrumento de dívida júnior, de acordo com um comunicado divulgado na segunda-feira. O grupo de mais de 20 credores incluía o Svensk Exportkredit, o Banco Europeu de Investimento, juntamente com bancos comerciais liderados pelo BNP Paribas SA, ING Groep NV, KfW IPEX-Bank Gmbh, Societe Generale SA e UniCredit SpA.

    Por Editor Económico
    Portal de Angola

    Publicidade

    spot_img

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Extrema direita avança como favorita nas eleições legislativas da França

    A apenas uma semana do primeiro turno das eleições legislativas na França, a extrema direita lidera as pesquisas e...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema