Radio Calema
InícioMundoÁfricaSobe para 11 número de mortos em ataque a uma prisão na...

Sobe para 11 número de mortos em ataque a uma prisão na RDC

Subiu para 11 o número de mortes após um grupo armado ter atacado uma prisão no nordeste da República Democrática do Congo (RDC) na quinta-feira, levando à fuga de mais de 800 reclusos.

Segundo o mais recente relatório das autoridades congolesas, durante o assalto à prisão de Kakwangura, na cidade de Butembo (província do Kivu Norte), morreram dois polícias, cinco membros do grupo armado e um miliciano.

Três outros membros do grupo que atacou a prisão morreram depois de serem linchados por habitantes da cidade de Mumole, situada 35 quilómetros a sudeste da prisão, segundo o portal de notícias congolês Actualite.

Inicialmente, o exército atribui o ataque ao grupo Mai-Mai, um nome que abrange dezenas de milícias armadas que operam na área há décadas, formadas por camponeses e outros civis armados para se defenderem de outros rebeldes e até do próprio exército congolês.

Mais tarde, o exército recuou e disse que o ataque foi organizado e realizado por combatentes dos rebeldes das Forças Democráticas Aliadas (ADF, na sigla em inglês), com o apoio de milicianos local, de acordo com a Rádio Okapi citada pela Lusa.

Segundo a rádio congolesa Okapi, as forças armadas revelaram que o grupo de mais de 80 membros conseguiu em 15 minutos arrombar a porta principal da prisão e retirar 817 prisioneiros – incluindo 12 mulheres, membros das ADF –, sendo que 115 já foram recapturados.

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.