Domingo, Maio 28, 2023
15.4 C
Lisboa
More

    José Eduardo dos Santos está nos cuidados intensivos

    O Jornal de Negócios, ao início desta noite, dava conta que o ex-presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, está internado na unidade de cuidados intensivos, de um hospital de Barcelona.

    O estado de saúde do antigo presidente angolano, visivelmente fragilizado nos últimos meses, agravou-se, e José Eduardo dos Santos está agora internado da unidade de cuidados intensivos de um hospital de Barcelona, onde reside, de forma mais permanente, desde 2019.

    José Eduardo dos Santos, depois de uma viagem ao Dubai no Natal, regressou a Barcelona, veio a Luanda, onde se encontrou com o Presidente João Lourenço, que o visitou na sua residência no Miramar, mas não ficou em Angola mais do que um par de meses, para regressar de novo à cidade espanhola da Catalunha, fisicamente muito debitado, como era visível.

    Entretanto, seu estado de saúde agravou-se consideravelmente, no meio de rumores que o situavam numa espécie de guerra familiar – de um lado Isabel e Tchizé e do outro Ana Paula dos Santos, com o Estado angolano presente através do médico pessoal de José Eduardo dos Santos, a quem o antigo chefe de Estado angolano delegou a tarefa de ser a única fonte credível sobre o seu estado de saúde. João Afonso, médico e antigo membro dos serviços de informação, é o médico de Dos Santos há 16 anos.

    Muitos foram os que comentaram que o médico pessoal de José Eduardo dos Santos era, em Barcelona, o representante do Governo angolano e que de alguma forma estaria a dificultar o acesso ao paciente dos médicos espanhóis.

    Ana Paula dos Santos tinha-se distanciado de Eduardo dos Santos após a saída deste da presidência angolana a aproximar-se do seu marido, viajando para Barcelona e assumindo o controlo dos assuntos domésticos, de acordo com várias fontes, entre eles, o Correio Angolense, que escrevia “com excepção de José Filomeno dos Santos (Zenu), preso a um processo judicial em Angola, todos os restantes filhos de José Eduardo dos Santos também foram a Barcelona com o mesmo propósito”, e o propósito tinha a ver com a degradação do estado de saúde do antigo estadista.

    E os filhos não se entendiam, em meados de Maio, Tchizé dos Santos denunciou “abusos” e “condicionamento da liberdade” em relação ao seu pai, admitindo que a família lida com “um caso de polícia”, que pode motivar uma queixa às autoridades espanholas.

    “Nós, os filhos de José Eduardo dos Santos (…) os que, de facto, estamos a querer zelar pela segurança do nosso pai, pela integridade física e jurídica do nosso pai, estamos a sentir-nos impotentes e só vamos ter uma alternativa que é chamar as autoridades espanholas a intervir porque isto é um caso de polícia. A outra alternativa é levar ao conhecimento de todos os angolanos o que está a acontecer”, disse Tchizé em declarações à agência Lusa nessa altura.

    POSTAR COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

    - Publicidade -spot_img

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Angola: 27 de Maio 1977

    A última vez que vi o José Van Duném (Zé) foi na noite de domingo, dia 22 de maio...

    Artigos Relacionados

    Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
    • https://spaudio.servers.pt/8004/stream
    • Radio Calema
    • Radio Calema