Radio Calema
InícioAngolaSociedadeGoverno presta assistência a regressados da Namíbia

Governo presta assistência a regressados da Namíbia

O ministro de Estado e chefe da Casa Militar do Presidente da República, Francisco Furtado, reafirmou, esta sexta-feira, o empenho do Governo na criação de condições para assistir os mais de sete mil angolanos regressados da Namíbia.

Numerosas famílias dos municípios dos Gambos, província da Huíla, Cahama, Curoca (Cunene), tinham se refugiado na vizinha Namíbia por causa da fome provocada pela seca, estando agora a ser reassentadas na povoação do Calueque.

Em declarações à imprensa, no final da visita de constatação ao centro de deslocado de Calueque, Cunene, Francisco Pereira Furtado disse que o Governo angolano disponibilizou condições logísticas e materiais para uma melhor assistência às famílias.

Sublinhou que enquanto estiverem na zona de reassentamento irão beneficiar de assistência alimentar e médica, bem como aprender a cultivar nas escolas de campo, para facilitar o exercício da actividade agrícola quando regressarem às zonas de origem.

O ministro de Estado explicou que os deslocados que vieram directamente dos municípios dos Gambos, Cahama e Curoca para o centro de Calueque vão regressar às suas zonas já com condições criadas, para não ficarem todos concentrados no Calueque.

Francisco Pereira Furtado agradeceu o apoio prestado aos angolanos pelo Governo namibiano durante o tempo que permaneceram naquele país vizinho.

Na Namíbia, encontravam-se sete mil refugiados angolanos que estavam concentrados nas regiões de Omatunda, Oshifo e Omufiasaty, sendo que o regresso de todos, iniciado há 15 dias, vai durar um mês.

FonteAngop

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.