Radio Calema
InícioPolíticaMPLAEleições no MPLA: José Eduardo dos Santos declina convite para participar no...

Eleições no MPLA: José Eduardo dos Santos declina convite para participar no Congresso

O ex-Presidente José Eduardo dos Santos manifestou indisponibilidade para participar no próximo congresso do MPLA, que se realiza nos dias 9 e 11 deste mês, do qual o Presidente da República e do partido que governa Angola, será reeleito ao cargo que concorre sozinho à sua própria sucessão.

O ex-Presidente José Eduardo dos Santos, segundo avança o Club K, foi abordado, na sua residência no Miramar, aqui em Luanda, por uma “delegação de bons ofícios” constituída por entidades religiosas que se apresentou igualmente como “mediadora” para um possível encontro entre ele e o Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço.

De acordo com a publicação, Dos Santos declinou tanto o convite como um eventual encontro com o seu antecessor antes do congresso, prometendo, por outro lado, fazer uma comunicação pública, para “breve”.

A primeira vez que o Presidente da República, João Lourenço, falou sobre o regresso do seu antecessor ao país foi em Outubro do ano em curso, durante uma entrevista ao jornal inglês Financial Times.

Naquela altura, João Lourenço garantiu que nunca deixou de falar com o ex-Presidente José Eduardo dos Santos e que o seu regresso ao país era bom para toda a gente, não apenas para a relação de ambos, mas para o país e também para o próprio MPLA.

Presidente emérito do MPLA, José Eduardo dos Santos, liderou Angola por 38 anos detendo um poder quase absoluto. Hoje segundo informações, colhidas pelo Club-K, é um homem amargurado ao ver os seus filhos a enfrentarem alegadas perseguições judiciais, mas também magoado por ter o seu legado minimizado pelo seu sucessor.

Na visão do analista político Albino Pakisi, ouvido pelo Portal de Angola, existem dois motivos que estão a levar o ex-Presidente a declinar o convite formulado para participar no congresso. Uma delas é a sua debilidade física e a outra é o combate encetado pelo Presidente João Lourenço a tudo que foi feito pelo seu antecessor.

Por outro o analista Olívio Kilumbo disse à este Portal que o regresso do ex-Presidente José Eduardo dos Santos poderia significar a reunificação do MPLA ou o contrário, sendo que na sua perspectiva, neste momento, parece estar distante a reunificação do partido dos Camaradas.

Entretanto, os colaboradores mais próximos do ex-Presidente são contra a direcção do MPLA, usar o seu nome pela negativa na propaganda que insinua que a sua família esteja apoiar a UNITA para chegar ao poder, em Angola.

Desde que se reformou da vida política, José Eduardo dos Santos chegou a passar mais tempo em Barcelona, por motivos de saúde tendo regresso há poucos meses ao país, depois de receber apoio do seu amigo, o Presidente da Guiné Equatorial Teodoro Obiang Nguema, algo que nunca chegou a ser desmentido pela Presidência da República de Angola.

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.