Radio Calema
InicioMundo LusófonoGuiné-BissauSuzi Barbosa diz não se identificar com a direcção do PAIGC e...

Suzi Barbosa diz não se identificar com a direcção do PAIGC e que a suspensão é irrelevante

A ministra dos Negócios Estrangeiros da Guiné-Bissau considerou de “irrelevante” a pena de suspensão de cinco anos que lhe foi aplicada pelo Conselho Nacional de Jurisdição e Fiscalização do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), do qual ela disse ter suspenso a sua militância.

“Eu é que praticamente suspendi a minha militância no PAIGC por não me identificar com a actual direção”, afirmou Suzi Barbosa aos jornalistas no Aeroporto Internacional Osvaldo Vieira, na quinta-feira, 2, em Bissau, no regresso do Fórum sobre Cooperação China-África (Focac), realizado em Dakar, Senegal.

Ela limitou-se a acrescentar que “o que importa para mim enquanto guineense é servir a Guiné-Bissau, servir os guineenses, não um partido político, sirvo à bandeira da Guiné-Bissau, mas não às cores de um partido”.

Na terça-feira, 30, o Conselho Nacional de Jurisdição e Fiscalização do PAIGC suspendeu Suzi Barbosa por cinco anos por considerar que ela violou os deveres do militante, estabelecidos nos estatutos do partido, assim como demonstrou a “infidelidade e deslealdade aos principais do PAIGC”, devido “à sua participação no actual Governo, sem anuência dos órgãos do partido”.

É que segundo, de acordo com “Secção Disciplinar” daquele órgão, o estatuto “veda um dirigente do partido integrar-se num Governo surgido no contexto fora do quadro constitucional”.

O PAIGC lembrou ainda que a actual ministra dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação Internacional “coadjuvou o autoproclamado Presidente no seu reconhecimento internacional”, tanto assim que “abandonou o Governo [o do PAIGC liderado então por Aristides Gomes] sem justificações ao partido e participou noutro sem anuência dos órgãos do mesmo”.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.