Radio Calema
InicioCulturaMúsicaGlória da Lu doa bens ao Hospital Municipal de Cacuaco

Glória da Lu doa bens ao Hospital Municipal de Cacuaco

A cantora e compositora gospel Glória da Lu, vencedora do prémio “LAC Unitel”, da 24ª edição do Festival da Canção de Luanda, ocorrido a 24 de Setembro, no Palácio de Ferro, em Luanda, doou bens de primeira necessidade e materiais hospitalares ao Hospital Municipal de Cacuaco.

A cerimónia teve lugar no Sábado, dia 9 de Outubro, pelas 9 horas e foi testemunhada por altos responsáveis da Cultura de Luanda, dirigentes da Administração Municipal de Cacuaco e várias personalidades locais.

A acção de doação avaliada em 300 mil kwanzas, correspondente a 60% do valor total do prémio que a cantora recebeu no Festival da Canção, estando aberta a apoios de outras pessoas que se solidarizarem à causa.

A acção de doação está avaliada em 300 mil kwanzas, correspondente a 60% do valor total do prémio que a cantora recebeu no Festival da Canção, estando aberta a apoios de outras pessoas que se solidarizarem à causa.
(Domingos Barrete)

“A decisão de doar parte dos valores do prémio partiu do princípio de que foi público quem votou para a minha vitória e a melhor maneira de agradecer-lhes é ofertar a maior parte do valor para Hospital Municipal com bens que ajudarão a salvar muitas vidas. Não temos como chegar a todos que votaram, mas com esta acção humanitária estarei a cumprir com a uma decisão tomada antes do final do concurso”, frisou a cantora, acrescentando que a atitude carismática herdou do seu pai Fernando Adão.

Entre os materiais doados constam 200 caixas de antibióticos amoxicilina, 10 caixas de luvas latex, 10 embalagens de fraldas descartáveis para crianças, 10 caixas de máscaras infantis e para adultos e 1 caixa de seringas hospitalares. Algumas empresas e pessoas singulares convidadas também apresentaram-se com os seus donativos.

Glória da Lu interpreta as canções nas línguas africanas kimbundu, kikongo, lingala e zulu, bem como na língua oficial portuguesa.
(Domingos Barrete)

SOBRE A CANTORA

Glória da Lu é uma cantora evangélica, intérprete e compositora angolana que venceu dois prémios na 23ª Edição do Festival da Canção de Luanda – LAC 2020, nas categorias “Mais Votado” e “Melhor Letra” ao concorrer com a música “A Dor da Perda”, de sua autoria.

Entra no mundo artístico por influência dos seus pais, Fernando Adão e Delfina Carlos, altura em que acompanhava os momentos culturais dos mesmos, dando os primeiros passos com o público na igreja e mais tarde, nas actividades extraescolares.

O seu desempenho no grupo coral infantil da Igreja Metodista Unida de Job e a forma como o seu talento despontava, se tornaram fundamentais para aos 11 anos, merecer o reconhecimento de Miguel Ribeiro Bento, um dos seus primeiros mestres, o que levou a ser transferida para o coral juvenil “Coroa da Vida”, sem precisar passar para o grupo dos adolescentes.

Foi nesta altura que a jovem, nascida para trilhar os palcos da música gospel, começa a valorizar mais a dimensão musical e, em 2016, mergulha para os trabalhos artísticos de forma séria e profissional com a gravação de músicas nos estúdios de Luanda.

Actualmente, a cantora que está a trabalhar para o lançamento do seu primeiro trabalho discográfico, que tem como produtor musical e director artístico, o músico Santimant Mwiny.
(Domingos Barrete)

A sua estreia no mundo da composição foi marcada com a gravação da primeira canção intitulada “Vitória”, escrita pela cantora numa altura em que frequentava os exercícios práticos do curso de piano na Igreja Metodista Unida de Galileia, município de Cazenga, Luanda. Ainda assim, foram os seus pais que escolheram o título desta citada canção.

Com a divulgação deste trabalho musical, Glória da Lu começa a cantar nos palcos de programas televisivos como “Angola ao Vivo”, da Palanca TV; “Janela Aberta”, da TPA 1; “Tarde é Nossa” e “Sexto Sentido”, da TV Zimbo.

Actualmente, a cantora que está a trabalhar para o lançamento do seu primeiro trabalho discográfico, que tem como produtor musical e director artístico, o músico Santimant Mwiny.

Entre as canções que lhe levaram a partilhar palcos com os músicos Dodó Miranda, Miguel Buila, Capakata, Gui Destino, Nguito Pandas e outros, constam as músicas “Vem Andar Comigo”, “Tenha Piedade”, “Kuenda Ubeka” e “A Dor da Perda”, esta última que venceu o Festival da Canção de Luanda 2020.

Glória da Lu interpreta as canções nas línguas africanas kimbundu, kikongo, lingala e zulu, bem como na língua oficial portuguesa, tendo entre os seus sucessos musicais as canções “Vem Andar Comigo”, “A Dor da Perda”, produzidas pela Anferpa Produções, conhecida igualmente por “Terrível Voice”.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.