Radio Calema
InicioMundoÁfricaÁfrica do Sul: Julgamento de uma ex-policial, assassina em série

África do Sul: Julgamento de uma ex-policial, assassina em série

Nomia Ndlovu, perante o juiz. Esta ex-polícia sul-africana de 46 anos é acusada do assassinato de cinco membros da sua família e do seu namorado.

Parentes encontrados mortos entre 2012 e 2017, espancados, estrangulados ou mortos a tiros. Ela teria praticado este acto com o objectivo de aproveitar as apólices de seguro de vida em nome das vítimas. O seu pacote, realizado com assassinos contratados, teria rendido 80 mil euros, segundo a promotoria.

Ela planeou fazer isso novamente em 2018. O seu plano era colocar fogo na casa de outra irmã, uma mãe de cinco filhos, incluindo um bebé. Mas o assassino escolhido desistiu e notificou a polícia.

A acusada cujo julgamento mantém a África do Sul em suspense nega tudo. “Não sou a pessoa que comprou as apólices de seguro para minha irmã assassinada”, disse ela.

O comportamento desta mulher de 46 anos, que franze a testa em desafio ou faz poses incongruentes, levantando dois dedos para formar um V de vitória frívolo na abertura das audiências, aumenta o desconforto.

Na retomada desta segunda-feira, a ex-polícia de vestido verde brilhante e xale nos ombros faz uma careta e franze o nariz diante das perguntas. A sua postura ágil, um pouco relaxada demais, parece zombar da corte.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.