Radio Calema
InícioCulturaMúsicaCantora Pongo é referência em festival de música no Porto

Cantora Pongo é referência em festival de música no Porto

A cantora angolana Pongo está entre os primeiros nomes de artistas que participam em mais uma edição da Worldwide Music Expo (WOMEX), evento que acontece na cidade do Porto entre 27 e 31 de Outubro.

A informação está no site musicinafrica, que explica que este ano, pela segunda vez, a reunião do júri decorreu online e a primeira selecção para esta 27ª edição do certame inclui 26 artistas que vão actuar na Casa da Música, Teatro Rivoli, Coliseu do Porto, Tenda Praça de D. João, Teatro Nacional de São João, Teatro Sá da Bandeira, Hardb Club e Cinema Passos Manuel.

Na lista de artistas africanos, além de Pongo, estão Neuza de Pina que representa Cabo Verde, Al Bilali Sudan (Mali), Alogte Oho & His Sounds of Joy (Gana), Aragaki Mutsumi (Japão), Bab L’Bluz (Marrocos / França), Ebo Krdum (Sudão / Suécia), Manou Gallou (Costa do Marfim / Bélgica), Mazaher (Egipto) e Grupo de Xilofones Nakibembe (Uganda).

De acordo com a mesma fonte, os organizadores também convidaram diversos artistas de outros países, in-cluindo Sofía Rei (Argentina / Estados Unidos), Tolgahan Çoğulu & Sinan Ayyıldız Duo (Turquia), Chalanes Del Amor (Chile / México), Dongyang Gozupa (Coreia do Sul), Ghetto Kumbé (Colômbia), Hudaki Village Band (Ucrânia), Kosy (Polónia) e Rangamatir Baul (Índia). “À medida que os países ao redor do mundo abrem lentamente as suas fronteiras e voltam a permitir eventos musicais e culturais, acreditamos que a nossa missão é servir, ajudar e reunir o maior número possível de membros da comunidade musical global”, explicaram os organizadores, conforme o site musicinafrica.

Por outro lado, reiteram que devido às circunstâncias em constante mudança, restrições de viagem e um futuro imprevisível, a programação final pode ser diferente da selecção completa do júri.

Entretanto, o programa será equilibrado com artistas e palestrantes de nível mundial de regiões onde as viagens são ilimitadas.

A cantora angolana, anteriormente conhecida como “Pongo Love”, tornou-se uma das vozes de referência do kuduro e foi por vários anos vocalista dos Buraka Som Sistema, que foi uma banda portuguesa cuja sonoridade se integra no género musical kuduro e conseguiu obter fama mundial.

Artista angolana que cresceu em Portugal, Pongo foi uma das vencedoras dos prémios “Music Moves Europe Talent Awards”, da Comissão Europeia, que distinguem artistas emergentes que representam “o som europeu de hoje e de amanhã”.

Em 2019, Pongo cantou no Palácio do Eliseu, em Paris, onde pôs o Presidente francês e a primeira-dama a dançarem, e em Novembro actuou no Festival MaMa, também em Paris, tendo tido no público o ministro português dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

A antiga vocalista dos Bu-raka Som Sistema, que levou aos palcos e pistas de dança a famosa “Wugue Wegue”, está agora a solo. Em 2019, lançou o primeiro EP, “Baia”, que foi ouvido em “streaming” mais de seis milhões de vezes.

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.