Radio Calema
InicioMundoEUAMulher assalta joalheria, rouba quase 5 milhões de euros em diamantes e...

Mulher assalta joalheria, rouba quase 5 milhões de euros em diamantes e troca-os por seixos

Uma mulher roubou sete diamantes no valor de quase cinco milhões de euros de uma joalheria de luxo, no centro de Londres.

Lulu Lakatos fez-se passar por uma especialista em pedras preciosas, para avaliar os diamantes e acabou por trocá-los por seixos de jardim, conta o The Guardian.

O roubo remonta a 2016, pouco tempo depois de Nicholas Wainwright, presidente do grupo britânico de joalheria Boodles, ter sido apresentado a “Simon Glas”, que alegadamente estava interessado em diamantes.

Os dois encontraram-se um mês depois no Mónaco, onde Wainwright foi apresentado ao sócio de “Glas”, um homem russo chamado “Alexander”. Acabaram por fechar a venda dos sete diamantes.

Lakatos foi a pessoa enviada para avaliar as pedras preciosas. Juntamente com Wainwright, dirigiu-se para a sala de reuniões, onde estava também a avaliadora da joalheria. Pesou e examinou os diamantes, embrulhou-os individualmente em seda, guardou-os em caixas e colocou-os numa bolsa que foi fechada a cadeado.

Segundo o The Guardian, Lakatos colocou a bolsa fechada a cadeado dentro da própria mala. A avaliadora da joalharia pediu que voltasse a colocar os diamantes em cima da mesa e foi nessa altura que, alegadamente, foram trocados. Os verdadeiros terão ficado dentro da mala de Lulu Lakatos.

Duas outras mulheres aguardavam Lulu Lakatos numa loja perto da joalheria. Lakatos trocou de roupa numa casa de banho pública e deixou Londres, no Eurostar, com o próprio passaporte.

Apenas no dia seguinte a joalheria deu conta do sucedido. A Boodles pediu que a bolsa fechada a cadeado fosse radiografada, o que revelou pedras idênticas a diamantes, mas a equipa continuou desconfiada. A bolsa foi aberta e dentro das caixas opacas estavam pequenos seixos em vez de diamantes.

Dois dos membros do grupo, Christophe Stankovic e Mickael Jovanovic, já foram condenados por conspiração no roubo. Lakatos foi detida em França através de um mandado de detenção europeu, em setembro do ano passado, para ser extraditada para o Reino Unido.

O caso já está em tribunal e decorre neste momento o julgamento.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.