InicioMundoÁfricaUnião Africana condena violência na África do Sul

União Africana condena violência na África do Sul

O presidente da Comissão da União Africana apelou à garantia urgente de ordem, paz e estabilidade, com pleno respeito pelo Estado de Direito no país

A Comissão da União Africana condenou a violência e os saques ocorridos na África do Sul após a prisão do ex-presidente Jacob Zuma.

Moussa Faki Mahamat, o presidente da Comissão da União Africano afirmou que ele condenou nos termos mais fortes cenas assustadoras do aumento da violência na África do Sul que levaram para a morte de civis , a pilhagem de propriedade pública e privada , a destruição de infraestrutura , incluindo a suspensão de serviços essenciais .

O presidente da Comissão da União Africana apelou à restauração urgente da ordem, paz e estabilidade, com pleno respeito pelo Estado de Direito no país e acrescentou:

“Não fazer isso pode ter sérias repercussões não só no país, mas em toda a região”.

Os protestos que começaram no dia 9 de julho para pedir o perdão do ex-presidente Zuma, que foi condenado a 15 meses de prisão em um curto espaço de tempo, se transformaram em tumultos violentos.

Até o momento 72 pessoas perderam a vida devido à violência no país.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.