InicioVidaSaúdeVacina da Novavax com "eficácia superior a 90%" contra o novo coronavírus

Vacina da Novavax com “eficácia superior a 90%” contra o novo coronavírus

A empresa de biotecnologia norte-americana Novavax anunciou hoje que a sua vacina contra a covid-19 tem uma eficácia superior a 90% e garante proteção contra as variantes do novo coronavírus.

As conclusões surgem após um ensaio clínico com mais de 30 mil pessoas nos Estados Unidos e no México.

“A vacina demonstrou uma proteção de 100% contra as formas moderadas e graves da doença e de 90,4% de uma forma geral”, indicou a empresa em comunicado acrescentando que conta apresentar um pedido de autorização para entrar no mercado norte-americano até ao final de setembro.

Nesta vacina é utilizada uma técnica diferente das usadas até agora nas outras vacinas já autorizadas: é uma vacina baseada em proteínas que desencadeiam uma resposta imunitária, sem vírus.

VACINAS CONTRA A COVID-19: AS QUE ESTÃO A SER USADAS E AS QUE ESTÃO A CAMINHO
Em menos de um ano desde que foi declarada a pandemia foram desenvolvidas várias vacinas em laboratórios por todo o mundo. A primeira vacina a obter autorização de emergência para inoculação foi a da Pfizer e BioNTech. O Reino Unido foi o primeiro país a aprovar esta vacina e a iniciar a campanha de vacinação, em dezembro de 2020.

MAIS DE 3,7 MILHÕES DE MORTOS NO MUNDO
A pandemia de provocou, pelo menos, 3.739.777 mortos no mundo, resultantes de mais de 173,5 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A covid-19 é uma doença respiratória causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

A grande maioria dos pacientes recupera, mas uma parte evidencia sintomas por várias semanas ou até meses.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.