InicioMundoEuropaVinte polícias alemães acusados de difundir propaganda neonazi

Vinte polícias alemães acusados de difundir propaganda neonazi

Dezanove membros da Polícia Alemã no activo e um ex-agente são suspeitos de difusão, em grupos de discussão na Internet, de propaganda neonazi, anunciou, ontem, a procuradoria-geral do país, em Frankfurt.

De acordo com um comunicado oficial, as autoridades realizaram buscas nos domicílios de seis polícias, membros do Comando de Acções Especiais da Polícia de Frankfurt, tendo o processo sido iniciado no passado mês de Abril. A investigação começou depois de suspeitas de difusão de imagens de “carácter pedófilo” por um agente da polícia, de 38 anos.

Mais tarde, após a análise do conteúdo das mensagens que constavam nos telemóveis, os investigadores acederam a fóruns de discussão em que os polícias difundiam propaganda neonazi.
No total, 19 elementos do grupo de acções especiais de Frankfurt e um antigo polícia são visados na investigação sobre os fóruns de discussão neonazis na internet, que estiveram activos ente 2016 e 2019.

Três dos suspeitos são também acusados de obstrução ao trabalho judicial.
Os superiores dos suspeitos não denunciaram as alegadas práticas apesar de serem obrigados a fazerem participações sobre propaganda neonazi sempre que tenham conhecimento dos alegados factos.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.