InicioAngolaSociedadeFome no sul de Angola provoca saída de populações para o Tômbwa

Fome no sul de Angola provoca saída de populações para o Tômbwa

A situação de fome e desemprego no sul de Angola está a provocar a movimentação de pessoas da província da Huíla para o Namibe, onde pessoas tentam encontrar melhores meios de subsistência no Tômbwa.

A VOA falou com deslocados do Chiange na Huíla e um deles, identificado apenas por Hatwevila, disse estar à “procura de trabalho por causa da fome”.

“A caminhada a pé tinha durado duas semanas”, disse.

Outros foram para as zonas agrícolas do Curoca na luta pela sobrevivência.

“Chamo-me Candjity, é a fome que nos trouxe aqui para o Tômbwa, e alguns dos nossos colegas com algumas crianças foram para o Curoca onde há zonas agrícolas à procura de serviço do campo”, revelou à VOA.

Marcelino Chipala, soba do Pindá, confirmou a presença dos deslocados da Huíla, mas alerta que também em Tômbwa há pessoas assoladas pela fome.

Ele disse que diariamente regista-se a entrada de pessoas provenientes dos várias localidades da região sul de Angola, incluindo o Namibe.

“Estamos em paz e cada um pode ir aonde quiser e aqui as pessoas veem todos os dias, mas também há fome, o peixe desapareceu e diariamente vejo pessoas de Caconda, Caluquembe até mesmo da cidade de Moçâmedes”, disse o soba do Pinda.

Enquanto isso, o Governo do Namibe recebeu de Luanda 80 toneladas de bens alimentares destinadas as comunidades assoladas pela fome.

FonteVoA

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.