InicioDesportoBasquetebolFAP dos Camarões vende cara a derrota diante do Petro de Luanda

FAP dos Camarões vende cara a derrota diante do Petro de Luanda

Antwan Scott, Jone Pedro e Carlos Morais permitiram que o Petro Atlético de Luanda não largasse o comando do marcador

O Petro Atlético de Luanda, de Angola, teve que suar as estopinhas para derrotar o FAP dos Camarões por 64-66, em jogo da segunda jornada do Grupo B da Basketball África League que decorre em Kigali, no Ruanda.

Apesar de ter sofrido para vencer, os petrolíferos de Luanda apuraram-se para os quartos-de-final da competição, ao somar duas vitórias em igual número de jogos, faltando ainda uma jornada por jogar.

Na tarde desta quinta-feira, 2 de Maio, a turma das Forças Armadas e Policiais dos Camarões teve uma boa entrada e beneficiou do facto do seu treinador Lazare Adie Ngono ter conhecimento profundo da equipa do Petro, foi ainda bem recentemente foi técnico principal do campeão angolano. Daí que no primeiro quarto os camaroneses saíram em vantagem por 21-20.

No quarto seguinte o treinador do Petro, José Neto, orientou a sua armada para apertar na defesa e melhorar na eficiência dos lançamentos exteriores e como resultado dessa estratégia passaram para a frente do marcador com o parcial de 11-22, que colocou o resultado em 32-42 ao intervalo.

Os dez pontos de vantagem adormeceram ao campeão angolano que foi permitindo uma aproximação da turma camaronesa que no terceiro quarto conseguiram um parcial de 15-14, fruto de um excelente trabalho defensivo e maior acerto com o cesto. Ainda assim não conseguiram passar para a dianteira do marcador que no final dessa etapa era de 47-56.

Nos decisivos dez minutos Lazare Adie Ngono voltou a entrar em cena ao instruir aos seus pupilos para apertarem cada vez mais na defesa, fazendo com que se aproximassem cada vez mais do adversário ao ponto de nos últimos segundos pairar a incerteza quanto ao vencedor do jogo.

Mas a experiência da equipa angolana, com destaque para o base americano Antwan Scott (autor de 23 pontos, 2 ressaltos e 3 assistências), para o poste angolano Jone Pedro (13 pontos e 10 ressaltos) e ainda Carlos Morais (4 pontos e 10 ressaltos) permitiram que o Petro Atlético de Luanda não largasse o comando do marcador e terminasse com dois pontos de vantagem, suficiente para carimbar a vitória por 64-66.

Os petrolíferos voltam a entrar em cena no próximo domingo quando defrontar a Association Sportive de Salé do Marrocos, enquanto o FAP vai medir forças com o Association Sportive de la Police do Mali.

FonteVoA

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.