- Publicidade-
InicioMundo LusófonoCabo VerdeCabo Verde volta ao estado de calamidade

Cabo Verde volta ao estado de calamidade

O Governo cabo-verdiano voltou a decretar o estado de calamidade por 30 dias, com medidas que limitam as actividades com aglomerações de pessoas. O ministro da Administração Interna explicou que a medida pretende reverter o quadro epidemiológico registado nas últimas semanas.

O executivo cabo-verdiano voltou a decretar, esta sexta-feira, o estado de calamidade por 30 dias, em todas as ilhas, menos na Brava, face ao “aumento considerável” do número de novos casos de covid-19.

O ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, explicou que a medida pretende reverter o quadro epidemiológico registado nos últimos dias.

“A evolução da situação epidemiológica, particularmente nos últimos dias, evidencia um aumento considerável do número de casos diários de Covid-19 e impõe-se a adopção de medidas de prevenção e contenção que nos permitam reverter este quadro epidemiológico”, explicou.

Paulo Rocha rejeitou a ideia de que a campanha para as eleições legislativas tenha sido a única justificação para o aumento de casos de covid-19 no país, mas reconheceu que houve excessos e um certo relaxamento nesse período.

Esta quinta-feira, Cabo Verde registou 373 novos infectados de Covid-19, elevando para 23.554 os casos positivos. Desde o início da pandemia, 213 pessoas já perderam a vida.

- Publicidade -
FonteRFI
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.