- Publicidade-
InicioCooperaçãoIda do PM espanhol a Angola não é "tentativa de substituir Portugal"...

Ida do PM espanhol a Angola não é “tentativa de substituir Portugal” – Carlos Rosado Carvalho

Para Carlos Rosado de Carvalho esta visita de Pedro Sánchez a Angola não será, por isso, “uma tentativa de substituição de Portugal ou aproveitar aquilo que Portugal não tem feito”.

Pedro Sánchez começa esta quarta-feira uma visita a Angola que considera prioritária. O jornalista e professor universitário em Luanda, Carlos Rosado de Carvalho, considera que a visita é mais política do que económica, até porque as empresas espanholas não estão interessadas em Angola.

“Do ponto de vista das empresas, Angola não é propriamente um mercado prioritário para os espanhóis. Angola não entra nas prioridades das empresas espanholas que estão mais vocacionadas e mais viradas, por exemplo, por razões históricas até, para a América Latina”, defende.

Para Carlos Rosado de Carvalho esta visita do presidente do Governo de Espanha não será, por isso, “uma tentativa de substituição de Portugal ou aproveitar aquilo que Portugal não tem feito”.

“Naturalmente que há sempre todo este falatório à volta das visitas, são uma oportunidade, mas isso é sobretudo muita política”, remata.

PM espanhol inicia hoje visita oficial à Luanda a convite do chefe de estado angolano João Lourenço

O Presidente do Governo de Espanha, Pedro Sánchez, chega esta quarta-feira, 7 de Abril, à capital Luanda, para uma visita oficial, a convite do Presidente da República, João Lourenço.

Segundo uma nota de imprensa da Casa Civil do Presidente da República, que a RNA teve acesso, durante a sua jornada de trabalho, o estadista espanhol efectuará visitas a empreendimentos ligados à acção de Espanha, em Angola.

De acordo ainda com a nota, Pedro Sánchez vai testemunhar a assinatura de diversos instrumentos jurídicos, para o reforço da cooperação bilateral.

Angola entrou para a agenda dos homens de negócios de Espanha, na base das reformas em curso, no país, que estão a melhorar o ambiente de negócios.

Esta descrição vem no gesto de uma empresa espanhola, com presença no mercado angolano, que tem na visita oficial do Chefe do Governo do Reino de Espanha, Pedro Sánchez, à Angola, mais um momento para mostrar a excelência na cooperação económica, entre Luanda e Madrid.

- Publicidade -
FonteTSF
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.