- Publicidade-
InicioEconomiaPlano de Desenvolvimento Industrial vai custar 120 milhões USD - Governo quer...

Plano de Desenvolvimento Industrial vai custar 120 milhões USD – Governo quer criar mais cinco pólos industriais até 2025

O Plano de Desenvolvimento Industrial de Angola a ser implementado até 2025 (PDIA -2025) prevê atrair investidores privados e aumentar a produção industrial nacional, tornando o País menos dependente do exterior. Vai consumir cerca de 120 milhões de dólares. Deste valor, 66 por cento corresponde a despesas de investimento público (DIP) e 34 por cento a despesas de apoio ao desenvolvimento (DAD).

O PDIA -2025 foi apresentado ao público pelo Ministério da Indústria e Comércio, esta terça-feira, 30, e estabelece acções concretas a serem implementadas no curto e médio prazo para permitir aumentar o investimento nacional e estrangeiro no sector industrial.

O plano está organizado em quatro eixos de intervenção, que passam pela dimensão do funcionamento das empresas industriais, pelo ambiente institucional e regulamentar, pelo capital humano, e pelas infra-estruturas de localização e ecossistema empresarial. O PDIA -2025 estabelece objectivos e metas, e define um quadro institucional e de financiamento que possibilita a sua implementação nas 18 províncias do País.

O ministro da Indústria e Comércio, Victor Fernandes, disse no acto apresentação que o PDIA -2025 reúne as orientações de políticas públicas consideradas necessárias para concretizar os objectivos estabelecidos a nível nacional para o sector da indústria transformadora.

Victor Fernandes assegurou que o plano irá impulsionar a produção industrial,reduzir as importações e criar mais empregos no sector. “O Estado assume-se como regulador, incentivador e coordenador, sendo o sector privado (empresários e gestores de empresas industriais) o verdadeiro protagonista do desenvolvimento industrial, através dos investimentos que realiza e da gestão que faz da actividade industrial”,referiu. Já o director do Instituto de Desenvolvimento Industrial, Dario Camati, deu a conhecer que o País prevê criar 22 pólos de desenvolvimento industrial.

Neste momento, segundo Dario Camati, estão em funcionamento dois pólos de desenvolvimento industrial, um em Luanda (Viana) e outro em Benguela (Catumbela) estando em preparação o pólo de Futila em Cabinda.

“A rede nacional prevê 22 pólos de desenvolvimento industrial, nos próximos anos, e há outros solos industriais sob gestão do Instituto de Desenvolvimento Industrial que estão agora a ser colocados à mostra para que o sector privado venha a engajar -se para as parcerias público-privadas na sua infra-estruturação e gestão”, disse, acrescentando que “a meta é aumentar mais cinco pólos, aos três existentes, até 2025”.

De realçar que a implementação do PDIA tem na liderança o Ministério da Indústria e Comércio, que tem como parceiros os ministérios da Economia e Planeamento, Educação, Energia e Água, do Ambiente e outros departamentos ministeriais.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.