- Publicidade-
InicioEconomiaPaís gasta 86 milhões de dólares em cesta básica

País gasta 86 milhões de dólares em cesta básica

Um total de 86 milhões de dólares norte-americanos foram gastos para a importação de bens da cesta básica e outros produtos essenciais, no mês de Fevereiro.

Dados da Direcção Nacional do Comércio Externo (DNCE) indicam que o valor corresponde a mais de 16 milhões de dólares, em comparação ao período homólogo de 2020.

O açúcar a granel e arroz lideraram as intenções de importação, por se tratar de produtos ainda com uma resposta interna “tímida” e que, para além da cesta básica (alimentação humana), são produtos igualmente usados como matéria-prima na indústria de bebidas e não só.

A nota revela que alguns produtos registaram uma redução “bastante acentuada” na sua importação, fruto da capacidade de produção interna que já dá resposta à demanda, como são os casos do alho, massa alimentar, farinha de milho, farinha de trigo, pensos higiénicos, fraldas descartáveis, guardanapos e vidro temperado em folha.

Exportações
Quanto às exportações, segundo a nota do Comércio, Portugal (Europa) e República Democrática do Congo (África), continuam a ser os destinos preferenciais dos produtos locais, nas exportações não petrolíferas.

O licenciamento às exportações angolanas, durante o mês de Fevereiro, cifrou-se em 3.506.114,94, apresentando uma variação positiva de 436 por cento em comparação a Fevereiro de 2020.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.