- Publicidade-
InicioCovid-19Angola sem registo de óbito por Covid-19 nas últimas 24 horas

Angola sem registo de óbito por Covid-19 nas últimas 24 horas

Angola não registou, nas últimas 24 horas, qualquer óbito por Covid-19, num dia em que foram reportadas 47 novas infecções e a recuperação de 78 pacientes, de acordo com a informação prestada ontem, em Luanda, pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda.

No encontro com jornalistas, no Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM), sobre a evolução da pandemia no país, Franco Mufinda esclareceu que dos 47 casos registados, 42 foram reportados em Luanda, três no Zaire e um nas províncias de Benguela e Cuando Cubango.

Os infectados têm idades entre 13 e 99 anos. Na capital do país, os casos foram registados nos municípios de Belas, Talatona e no Distrito Urbano da Maianga. Em relação aos pacientes recuperados, Franco Mufinda disse que 68 foram reportados em Luanda, oito em Benguela e um nas províncias do Bié e Cuanza-Sul, colocando o país numa taxa de recuperação na ordem de 93 por cento.
Com estes dados, o país contabiliza 20.854 casos positivos, dos quais 508 óbitos, 19.400 recuperados e 946 activos.
De acordo com o secretário de Estado, dos casos activos, 12 estão em situação grave, 22 são considerados moderados, 24 têm sintomas leves e 888 são assintomáticos.

Franco Mufinda informou que nos centros de tratamento da Covid-19, a nível do país, estão internados 60 doentes. Em quarentena institucional estão 53 cidadãos e 1.456 sob investigação epidemiológica.

Nas últimas 24 horas, nenhuma pessoa que se encontra em quarentena institucional teve alta. O Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) registou 30 chamadas, todas relacionadas a pedidos de informação sobre a Covid-19.

O secretário de Estado informou, também, que o Laboratório de Biologia Molecular processou, ontem, 976 amostras, das quais 47 foram positivas. Desde o início da pandemia, em Março do ano passado, foram processadas 395.105 amostras e 20.854 tiveram resultado positivo.

Em relação à testagem rápida serológica realizada nas entradas e saídas da província de Luanda, Franco Mufinda informou que nas últimas 24 horas foram testadas 716 pessoas. Deste número, referiu, 74 foram reactivos. A Equipa de Saúde Mental e Intervenção Psico-social assistiu, por telefone, 16 cidadãos, dando apoio psicológico.

O secretário de Estado apelou aos cidadãos para o cumprimento rigoroso das medidas de biossegurança, nomeadamente o uso correcto da máscara facial, lavagem frequente das mãos com água e sabão ou higienizá-las com álcool em gel, assim como o cumprimento do distanciamento físico.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.