- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Política Angola participa na reunião de alto nível

Angola participa na reunião de alto nível

Uma delegação chefiada pelo ministro das Relações Exteriores, Téte António, participa, a partir de hoje, na reunião de alto nível do Conselho dos Direitos Humanos, no âmbito da 46ª sessão do Conselho dos Direitos Humanos das Nações Unidas, que decorre por videoconferência.

A delegação angolana é integrada pela representante de Angola junto do Escritório das Nações Unidas e outras Organizações Internacionais em Genebra, Margarida Izata, bem como diplomatas e funcionários de outras instituições ligadas à problemática dos direitos humanos.

Segundo uma nota de imprensa da representação de Angola junto do Escritório das Nações Unidas e outras Organizações Internacionais em Genebra, o segmento de alto nível reúne altos funcionários das agências e fundos das Nações Unidas, representantes dos Estados- membros e outras partes interessadas, para discutir sobre o ponto de situação da luta contra o racismo, discriminação, xenofobia e intolerância, 20 anos depois da adopção da Declaração e Plano de Acção de Durban.

Segundo a nota, o Secretário-Geral da ONU, António Guterres, fará uma intervenção liminar no painel sobre a “Integração dos direitos humanos”. O documento acrescenta que a participação de Guterres é interpretada no contexto do seu engajamento contra a discriminação racial e do inquérito lançado sobre o racismo no seio da instituição que dirige.

No âmbito do segmento geral, o Conselho contará igualmente com cinco painéis em discussão, designadamente “Os direitos da criança e os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável”, “Os direitos das pessoas com deficiência”, “O papel da redução da pobreza na promoção e protecção dos direitos humanos”, a “Década Internacional sobre as pessoas de ascendência africana” e a “Comemoração do Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial”.

A sessão, que decorre até 23 de Março, vai debruçar-se, igualmente, sobre diferentes assuntos específicos, como a situação dos direitos humanos em vários países.

- Publicidade -
FonteJA
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.