- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Futebol Girabola'2020/21: Militares tombam ante a bravura do Máquis

Girabola’2020/21: Militares tombam ante a bravura do Máquis

O FC Bravos do Maquis protagonizou, esta quarta-feira, uma grande surpresa ao vencer a equipa do 1º de Agosto, por 3-2, em pleno Estádio 11 de Novembro, após estar em desvantagem no marcador e apostar num contra-ataque eficaz, no primeiro desafio disputado pelos maquisardes, depois da quarentena a que estiveram sujeitos.

Os golos foram apontados por Ben Arfa, duas vezes, e Da Banda, para o lado dos visitantes, enquanto Mário e Mabululu marcaram para os tetracampeões nacionais, no jogo de acerto de calendário à 8ª jornada do Girabola 2020/21.

Os militares entraram mais ousados no desafios, procurando chegar o mais rápido à baliza adversária e lograr a vantagem no marcador o quanto antes. Porém, as várias oportunidades criadas pelo seu ataque não foram proporcionais à eficácia que, certamente, a equipa técnica pretendia. Pois, os falhanços foram acumulando-se sempre no momento da finalização.

Ainda assim, Mário de cabeça, aos 16 minutos, mostrou aos avançados como finalizar e colocou os agostinos a festejar, após uma assistência de Mira. Contudo, nem isso trouxe confiança a Mabululu e Zini que demonstravam falta de pontaria no momento certo.

Contrariamente ao habitual o sector defensivo dos maquisardes “tremia” sempre que os rubro e negros acelerassem no jogo, mostrando alguma inconsistência, talvez derivada do período de quarentena por que passaram por conta das medidas de prevenção contra a nova estirpe do Coronavirus.

Apesar do maior volume de jogo ofensivo protagonizado pelos tetracampeões nacionais no primeiro tempo, e quando se esperava que fosse dilatar a vantagem, foram os pupilos de Zeca Amaral, regressado ao banco de suplentes, quem igualaram o marcador por intermédio de Ben Arfa, aos 45 minutos, após um sprint de Da Banda, que passou por Bobó e assistiu o colega, que teve tempo para escolher em que lado mandar a bola.

No reatamento, Da Banda, melhor jogador em campo, aos 51 minutos tratou de surpreender os adeptos agostinos no Estádio 11 de Novembro, e assumiu a responsabilidade de bater Tony Cabaça, quase numa repetição do primeiro golo da sua equipa.

Com a reviravolta no placar era expectável que os militares respondessem à medida e subiram no terreno, tentando furar a defesa dos maquisardes, neste segundo tempo já melhor arrumada. Todavia, numa jogada rápida Ben Arfa, aos 77 minutos sentenciou a vitória da sua equipa, deixando os adeptos agostinos sem perceber o que estava a acontecer, após a boa exibição e triunfo diante do arqui-rival no último final de semana.

Apesar do golo consentido, os rubro e negros acreditaram que ainda podiam chegar à igualdade e reduziram a desvantagem aos 87´, por Mabululu, mas o tempo e a sentença já estava ditada, após os falhanços de Zini e Buá.

- Publicidade -
FonteJA
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.