- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Angola é o terceiro maior produtor de mandioca

Angola é o terceiro maior produtor de mandioca

Angola tem uma produção anual estimada em mais de 11 milhões de toneladas de mandioca, sendo o terceiro maior produtor de África, depois da Nigéria e o Gana, e quer agora apostar na sua transformação em amido.

Uma nota do Ministério da Indústria e Comércio refere que o Executivo está apostado em criar programas de aproveitamento e agregação de valor à produção de mandioca, através da Direção Nacional de Desenvolvimento do Comércio Rural.

A estratégia visa criar programas específicos de aproveitamento da mandioca, através da promoção da produção desta raiz, bem como na criação de incentivos à compra, transformação e consumo dos vários subprodutos derivados da mandioca.

Colocado no ‘top 15’ mundial de produtores da mandioca, o Executivo vê, nessa condição do país, “uma excelente oportunidade para tirar vantagens dessa realidade”, segundo a nota, que aponta o Brasil como o campeão na transformação da mandioca, realidade que já chegou a Moçambique e que “aos poucos” vai chegando a Angola.

Em Angola, além do aproveitamento da mandioca para a produção da fuba (farinha) de bombó, uso mais comum, o Governo vai incentivar, este ano, a sua transformação em amido, promovendo o surgimento de pequena e média indústria no meio rural, para a sua consequente exportação em grande escala. A China é, desde logo, o principal importador mundial.

O maior produtor, a Nigéria, está actualmente a liderar um projecto de uso do amido de mandioca para o fabrico de fibra biodegradável em substituição do plástico nas embalagens, o que constitui também um desafio para Angola.

O assunto foi analisado recentemente numa reunião do conselho de direção do Ministério da Indústria e Comércio, quando avaliava o ponto de situação sobre o Programa Integrado de Desenvolvimento do Comércio Rural.

- Publicidade -
FonteVE
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.